Está inaugurada a segunda rodada da Copa do Mundo de 2022. Nesta sexta-feira, o Irã sofreu, mas venceu País de Gales por 2 a 0, no Estádio Ahmed bin Ali, em Al Rayyan, no Catar. Os gols decisivo foram de Cheshmi e Rezaeian. Ambos os tentos saíram já nos acréscimos do segundo tempo, após a expulsão do goleiro Hennessey. As informações são do Gazeta Esportiva.

Com o resultado, a seleção iraniana assumiu a vice-liderança do grupo B, com três pontos. Os galeses estão na lanterna, com um. A chave ainda conta com Inglaterra e Estados Unidos, que se enfrentam às 16 horas (de Brasília).

O Irã volta a campo agora na próxima terça-feira, às 16 horas, quando encara os Estados Unidos, no Estádio Al Thumama, pela terceira rodada da fase de grupos. Simultaneamente, País de Gales enfrenta a Inglaterra, no Estádio Ahmed bin Ali. 

Foto: Fadel Senna/AFPFoto: Fadel Senna/AFP

O jogo - A primeira etapa foi bem fraca em Al Rayyan. Precisando vencer depois da goleada sofrida na primeira rodada, os iranianos até tentaram apertar no começo da partida, mas tiveram muitas dificuldades para levar perigo.

Com 15 minutos, a equipe do técncio Carlos Queiroz até chegou a balançar as redes, com Gholizadeh, mas o gol foi anulado por impedimento.

Do outro lado, País de Gales assustou apenas uma vez. Moore receebu bom cruzamento na área e se atirou na bola para desviar. Atento, Hosseini realizou ótima defesa.

2º tempo

Na volta do intervalo, o Irã seguiu tentando apertar. Com cinco minutos, Azmoun partiu com liberdade pela direita, invadiu a área e finalizou na trave. No rebote, Gholizadeh dominou na entrada da área, cortou para o meio e bateu com categoria. Contudo, novamente a bola explodiu no poste.

Aos 27, quem impediu o tento foi Hennessey. Ezatolahi arriscou forte chute rasteiro e viu o goleiro galês se esticar todo para desviar para a linha de fundo.

Do outro lado, os galeses responderam aos 37. Após longa troca de passes, Davies recebeu na entrada da área e soltou o pé, obrigando Hosseini a fazer boa intervenção.

Já aos 40 minutos, a vida dos europeus ficou ainda mais complicada. Isso porque Hennessey cometeu falta dura ao tentar cortar um lançamento fora da área e foi expulso pelo árbitro.

Com um jogador a mais, os iranianos intensificaram a sua pressão. Assim, enfim a rede balançou. Com 53 minutos, Cheshmi pegou a sobra na entrada da área e soltou uma bomba no cantinho, sem chance para Ward. E ainda deu tempo para mais um. Rezaeian saiu cara a cara com o goleiro e tocou de cavadinha para fechar a conta.