Donald Trump desconvida astro do basquete para ir à Casa Branca

Stephen Curry afirmou não querer encontrar com o presidente

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, chocou neste sábado o mundo do esporte ao desconvidar o armador Stephen Curry, astro do Golden State Warriors, atual campeão da NBA, para visitar a Casa Branca.

"Ir à Casa Branca é considerado uma grande honra para uma equipe campeã. Stephen Curry está hesitando. Portanto, o convite foi retirado", afirmou Trump, em uma mensagem divulgada no Twitter

Curry disse durante a semana que não queria que sua equipe visitasse a residência presidencial para celebrar o título da NBA da última temporada, após vitória sobre o Cleveland Cavaliers.

"Eu não quero ir", afirmou ontem o jogador. 

Stephen Curry afirmou não querer encontrar com o presidente (Crédito: Reprodução)
Stephen Curry afirmou não querer encontrar com o presidente (Crédito: Reprodução)

Por enquanto, não está claro se Trump retirou o convite da equipe inteira ou apenas de Curry. Os diretores do Golden State Warriors disseram que debateriam para decidir se iriam ou não à Casa Branca.

Apesar de a Casa Branca não ter convidado oficialmente a equipe, a NBA estava em contato com assessores de Trump para organizar uma possível visita. 

MVP da NBA duas vezes, Curry explicou que procura enviar uma mensagem com o boicote ao convite de Trump. 

"Nós basicamente não apoiamos o que nosso presidente disse e as coisas que ele não disse no momento correto", disse o armador.

"Com sorte, não irmos inspirará alguma mudança pelo que toleramos neste país e pelo que apoiamos", completou Curry.

Fonte: Com informações da Espn
logomarca do portal meionorte..com