Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Expulso, Neymar acusa racismo em jogo do PSG; time perdeu por 1 a 0

No jogo com recorde de cartões da Ligue 1 no século, o Olympique de Marselha venceu o PSG por 1 a 0

Compartilhe

O atacante Neymar foi um dos envolvidos na grande confusão que marcou o fim do clássico deste domingo entre Paris Saint-Germain e Olympique de Marselha, válido pelo Campeonato Francês. O brasileiro reclamou de ofensas racistas, que teriam sido proferidas pelo zagueiro espanhol Álvaro González. Na etapa final, ele discutiu outra vez com o defensor e foi expulso.

Na saída de campo, Neymar admite ter agredido o espanhol: - Olha o racista! Porque era um racista, por isso lhe peguei - declarou ao quarto árbitro.

Neymar acusa Álvaro de racismo - Foto:  Gonzalo Fuentes

No primeiro tempo, o brasileiro já havia protestado com o quarto árbitro, dizendo "racismo, no!", como captado pelos microfones (veja nos vídeos abaixo). Não fica claro nas imagens se ele foi o alvo das ofensas. O lance aconteceu por volta dos 37 minutos.

O árbitro Jérôme Brisard interrompeu o jogo para tentar entender o que havia acontecido. Álvaro González reclamava com a arbitragem sobre uma suposta cusparada de Di María, que também alegou ter sido ofendido. O defensor do Olympique sugeriu a utilização do árbitro de vídeo (VAR) para apuração da confusão.

No fim do segundo tempo, Neymar voltou a discutir com Álvaro González e deu um tapa na cabeça do defensor. A arbitragem viu o lance e expulsou o brasileiro, que saiu de campo muito bravo e mais uma vez acusando o espanhol de racismo.

Esse é o primeiro jogo de Neymar pelo PSG nesta temporada. O brasileiro ficou fora da estreia do time no Campeonato Francês após ter sido diagnosticado com coronavírus, no início do mês.

Resumão 

Tenso. Do início ao fim. Não há outra palavra para descrever o clássico deste domingo, no Parque dos Príncipes. No jogo com recorde de cartões da Ligue 1 no século, o Olympique de Marselha venceu o PSG por 1 a 0. Foram 17 cartões distribuídos, entre eles cinco vermelhos. Neymar foi um dos expulsos e deixou o campo furioso e denunciou o zagueiro Álvaro González de racismo na saída.

 A Tabela

O PSG começa um Francês com duas derrotas pela primeira vez desde 1978. O time segue sem pontuar e ocupa a 17ª posição. O Olympique conquistou sua segunda vitória, a primeira em cima do rival desde 2011. O time de Marselha está na quinta posição, com seis pontos. Na próxima rodada, o Paris visita o Nice, no domingo.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar