Filho de Guerra se afoga e meia desfalca o Palmeiras na Liberta

Jogador, que estava no Equardor, já retornou ao Brasil

O filho do meia Guerra, do Palmeiras, de apenas três anos, sofreu acidente em uma piscina nesta quarta e foi encaminhado ao pronto-socorro. O atleta não enfrenta o Barcelona-EQU nesta quarta, 21h45, em Guayaquil, pelas oitavas da Copa Libertadores da América.

Assael Guerra teria se afogado em uma piscina localizada na casa do atleta, em Alphaville. Ele foi encaminhado ao Albert Einstein, em Barueri. A informação foi confirmada pelo Corpo de Bombeiros de Barueri. O hospital também confirmou que o garoto está no local sendo atendido pelos médicos, sem dar detalhes do estado de saúde.

Guerra não jogará contra o Barcelona-EQU (Crédito: Reprodução )
Guerra não jogará contra o Barcelona-EQU (Crédito: Reprodução )

"Ele foi acionado às 11h15, a viatura dos Bombeiros chegou 11h25 e o menino estava fora da piscina, com batimentos cardíacos ainda. Estava com dificuldades para respirar. Foram feitas manobras de primeiros socorros com oxigênio e prevenção á hiportérmia. Às 11h39 decidimos levá-lo direto ao hospital, onde foi atendido. Não estava consciente quando chegou e foi direto para a UTI, a equipe médica recebeu o garoto, que deu entrada com vida, apesar de dificuldades respiratórias", disse o capitão Palumbo, dos Bombeiros.

O meia está em Guayaquil, Equador, com o elenco que enfrenta o Barcelona, pela Libertadores. O atleta já teve ciência do ocorrido e está voltando ao Brasil, confirmou o diretor Alexandre Mattos.

O meia agora vai encarar 6h de voo de volta ao Brasil, onde vai acompanhar seu filho, que está em situação estável no hospital. A princípio, o atleta não queria voltar e tinha avisado a comissão técnica, mas foi convencido por Mattos a vir ficar com o filho.



Fonte: Com informações da Espn
logomarca do portal meionorte..com