Marcelo é acusado de fraude fiscal no valor de R$ 1,8 milhão

Lateral já teve problema com o órgão em anos interiores

Nesta terça-feira o fisco espanhol apresentou mais uma queixa contra Marcelo, lateral-esquerdo do Real Madrid. De acordo com o jornal espanhol "Marca", a denúncia é por conta de uma possível fraude fiscal à Fazenda de 490 mil euros (cerca de R$ 1,8 milhão).

Ainda segundo a publicação, o Ministério Público Espanhol acusa o camisa 12 de criar uma estrutura societária para o ocultar os valores recebidos de direitos de imagem do Real Madrid, além de buscar um "benefício fiscal ilícito", motivo que o fez ocultar os valores nas declarações de 2011, 2012 e 2013.

Marcelo regularizou toda a situação em 2015, de acordo com fontes próximas ao caso, mas a Agência Tributária decidiu reabrir o caso e denunciá-lo ao Ministério Público.

De acordo com fontes do jornal "El Mundo", o motivo da reabertura do arquivo de Marcelo, é que o jogador regularizou esses 490 mil euros como pessoa jurídica, não como pessoa física, como manda a Agência Tributária.



Marcelo
Marcelo




Fonte: Terra
logomarca do portal meionorte..com