Hamilton segura pressão de Vettel e vence na Bélgica

Britânico igualou o recorde de Michael Schumacher

Lewis Hamilton não teve vida fácil diante de Sebastian Vettel no GP da Bélgica, mas conseguiu uma vitória importante no retorno da Fórmula 1 após as miniférias.

O britânico, no 200º GP de sua carreira, largou na primeira posição (igualou o recorde de 68 pole positions de Michael Schumacher), segurou os ataques do alemão em dois momentos cruciais e garantiu os 25 pontos na classificação, diminuindo para apenas sete a vantagem do ferrarista no Mundial de Pilotos - 220 a 213.

Logo na largada, Vettel partiu para cima de Hamilton, mas o motor Mercedes falou mais alto e segurou o carro da Scuderia.

Lewis Hamilton (Crédito: Getty)
Lewis Hamilton (Crédito: Getty)

Depois, já na parte final da prova, o safety car entrou por conta de um incidente entre Sergio Pérez e Esteban Ocon, companheiros de Force India, no qual o mexicano perdeu a roda traseira direita. Na relargada, o tetracampeão emparelhou com o três vezes dono do título da F-1 e tentou a ultrapassagem até a curva depois da reta oposta, mas o britânico novamente levou a melhor.

Daniel Ricciardo, da Red Bull, alcançou o pódio após deixar Valtteri Bottas e Kimi Raikkonen para trás exatamente depois da saída do safety car.

Felipe Massa, enquanto isso, fez ótima corrida de recuperação após largar em 16º e terminou em oitavo. Ele perdeu a última etapa antes das miniférias, na Hungria, após passar mal.

O alemão Nico Hulkenberg (Renault) acabou na sexta colocação, e completaram o top 10 o francês Romain Grosjean (Haas), na sétima posição, o também francês Esteban Ocon (Force India) no nono lugar, atrás de Massa, e o espanhol Carlos Sainz (Toro Rosso).

A próxima etapa da F-1 será já no domingo que vem em Monza, na Itália.

Fonte: Com informações da Espn