Jogador do Flamengo se desculpa após zombar do sotaque piauiense

Brincadeira feita por Rodinei gerou bastante polêmica. Entenda!

O lateral Rodinei Marcelo, do Flamengo, publicou um vídeo em seu perfil no Instagram para pedir desculpas após zombar do sotaque piauiense e virar um dos assuntos mais comentados. Durante uma conversa no programa Fox Sports Rádio, da Fox Sports, o jogador comentou sobre o modo de falar dos colegas de elenco, Rômulo e Renê, naturais de Picos, no Piauí. 

Após repercussão, ele gravou um vídeo ao lado dos colegas  Rômulo e Renê e pediu desculpas. "Fala galera do Piauí. Aqui é o Rodinei. Tô aqui pra pedir desculpas, pelo mal entendido da brincadeira que eu fiz. Para todos que se sentiram ofendidos, tô aqui com toda humildade pra pedir perdão pra todos vocês", diz no vídeo. 



Tudo  teve início após Rodinei ser questionado pelos apresentadores sobre seu sotaque, já que ele é natural de Tatuí, interior de São Paulo. “Eu perdi um pouco desse sotaque de ‘porta’, eu falo um pouco mais controlado agora, não tem tanto esse ‘probrema’, mas tem uns caipiras no time que eu vou te contar. O sotaque é difícil de entender”, afirmou.

Ao ser questionado sobre quem seriam os caipiras intitulados pelo lateral, ele afirmou: “O Rômulo e o Renê, são lá de Picos do Piauí, quando eles vão te dar boa noite ou bom dia você não consegue entender o que eles estão falando. […] É complicado falar com os caras do Piauí, é mais fácil entender espanhol do que os piauienses falando, porque o complicado é o português”,

A afirmação do jogador deixou muitos piauienses irritados que manifestaram suas indignações nas redes sociais. “Está se achando demais já, vai aprender falar problema primeiro para depois falar do Piauí”, falou um internauta. Não pode fazer um gol... Deveria ao menos ter estudado... Que falta nos faz o artilheiro Sócrates, que antes de tudo estudou (fez Medicina) e não era arrogante”, disparou outro.







Fonte: Portal Meio Norte