Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Jogadores do Flamengo se envolvem em confusão com garotas de programa em BH

Após o empate com o Atlético-MG por 1 a 1, quarta-feira, em Belo Horizonte,

Jogadores do Flamengo se envolvem em confusão com garotas de programa em BH
Jogadores do Flamengo se envolvem em confusão com garotas de programa em BH | Globo Esporte
Compartilhe

Ap?s o empate com o Atl?tico-MG por 1 a 1, quarta-feira, em Belo Horizonte, os jogadores Marcinho, Bruno, Diego Tardelli e Paulo Victor (quarto goleiro) se envolveram em uma confus?o com garotas de programa no s?tio do camisa 1 rubro-negro, em Ribeir?o das Neves. Os atletas organizaram uma festa e contrataram oito prostitutas. A confus?o aconteceu porque Marcinho teria se desentendido com uma das meninas e a agredido. Duas prostitutas prestaram queixa contra o jogador e fizeram exame no IML.

- Quem vai ter que explicar e ser homem de assumir ? o Marcinho. Pedi a libera??o para jantar com uma av? e um tio, depois passei no s?tio do Bruno. Fiquei l? por 45 minutos e senti que n?o era um ambiente pra mim, porque tenho uma esposa e uma filha. Fui embora logo momento tinha que treinar no dia seguinte - conta.

Ainda em Belo Horizonte, o goleiro Bruno disse que o problema fez o seu casamento acabar. A delega??o rubro-negra desembarcou no Rio pouco antes das 16h. Daniel Pereira, empres?rio de Marcinho, informou que o jogador viajou 40 minutos depois do elenco, e est? no Rio. Michel Assef, advogado e presidente do Conselho de Administra??o do Flamengo, est? cuidando do caso. A assessoria de imprensa do Flamengo informou que o clube n?o vai se pronunciar oficialmente.

- A Delegacia das Mulheres registrou o fato. Elas foram examinadas pela m?dica legista e agora o boletim de ocorr?ncia vai ser encaminhado para Ribeir?o das Neves, porque foi l? que o fato aconteceu. As investiga?es ser?o feitas pela autoridade policial local. Hoje mesmo vamos providenciar para que este expediente seja encaminhado para l? - conta a delegada Lilian da Silva ? R?dio CBN.

A delegada afirma que o laudo da legista vai provar se houve agress?o ou n?o, mas adiantou que a prostituta apresentou marcas no bra?o. Segundo uma delas, Marcinho teria manifestado o desejo de manter rela?es sexuais sem preservativo e, diante da negativa, teria se revoltado.

- O que foi declarado aqui ? que seria um poss?vel atentado violento ao pudor, uma tentativa. N?o chegou a ser consumado. Se ela teve algum contato com ele, eu n?o posso falar. A legista vai constatar no laudo se houve ou n?o les?o corporal - diz.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar