Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Libertadores: Binacional é a pior equipe com saldo de gols

Os peruanos são donos dada marca de pior saldo de gols da história da fase de grupos do torneio continental

Libertadores: Binacional é a pior equipe com saldo de gols
Os peruanos terminaram a fase de grupos na última posição | Divulgação
Compartilhe

A péssima campanha na Copa Libertadores não culminou apenas na eliminação do Binacional, mas fez também com que a equipe superasse um recorde negativo histórico na competição. Com apenas uma vitória - 2 a 1 sobre o São Paulo, em casa, na primeira rodada -, os peruanos terminaram a fase de grupos na última posição e com um saldo de -22, tornando-se assim donos da marca de pior saldo de gols da história da fase de grupos do torneio continental.

Os peruanos terminaram a fase de grupos na última posição

Informações dos ite GloboEsportes.com

Anteriormente, três equipes lideravam o indigesto ranking. 9 de Outubro, do Equador, em 1966, e Deportivo Itália (1985) e Zamora (2015), ambos da Venezuela, tiveram saldo de -18. Após o Binacional atingir esse recorde negativo, o ge montou uma lista com os 10 piores saldos de gol da história da fase de grupos da Libertadores. O país com mais representantes é a Bolívia, com cinco equipes. Nenhum time brasileiro aparece entre os relacionados.


Top 10 piores saldos de gols da história da Libertadores

Equipe

País da equipe

Ano da campanha

Saldo de gols

Binacional

Peru

2020

-22

9 de Outubro

Equador

1966

-18

Deportivo Itália

Venezuela

1985

-18

Zamora

Venezuela

2015

-18

31 de Outubro

Bolívia

1967

-17

Universitario de La Paz

Bolívia

1970

-17

Always Ready

Bolívia

1968

-16

Jorge Wilstermann

Bolívia

1979

-16

Rangers

Chile

1970

-16

The Strongest

Bolívia

1971

-16


Apesar da vitória sobre o São Paulo na estreia, que gerou muitas críticas ao Tricolor paulista e ao treinador Fernando Diniz na época, o Binacional colecionou goleadas vexatórias no restante da competição, principalmente para o River Plate, que venceu por 8 a 0, na Argentina, e 6 a 0, no Peru. Os peruanos perderam também para LDU, por 4 a 0, em Quito, e para o próprio São Paulo, na última rodada, por 5 a 1, no Morumbi. A derrota menos doída foi para a LDU, em casa: 1 a 0.

Porém, apesar do péssimo desempenho defensivo, o Binacional não foi a pior campanha da Libertadores 2020. Isso porque Tigre, da Argentina, que perdeu na última quarta-feira para o Palmeiras por 5 a 0, e Alianza Lima, também do Peru, somaram apenas 1 ponto em seis partidas. Com saldo de -14, contra -7 do Alianza, coube ao Tigre o posto de pior equipe entre as 32 da fase de grupos.



Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar