Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Libertadores terão duelos entre brasileiros e argentinos

Nesta fase, as 16 equipes restantes da competição se enfrentam em sistema de jogos de ida e volta. Os vencedores vão às quartas de final.

Compartilhe

A Conmebol realizou hoje o sorteio dos jogos das oitavas de final da atual edição da Libertadores. Os destaques ficaram para dois clássicos entre brasileiros e argentinos. 

Internacional e Boca Juniors é um dos confrontos. O time do argentino Eduardo Coudet tem pela frente a equipe treinada por Sebastián Beccacece.

Atual campeão do torneio, o Flamengo, de Domenec Torrent, também vai desafiar uma "pedreira argentina": o clube carioca vai encarar o Racing. 

O Palmeiras, por outro lado, foi sorteado ao lado dos equatorianos do Delfín no início do mata-mata. 

Confrontos foram definidos no início da tarde de hoje; 16 clubes brigam pela taça do torneio continental - Imagem: Manuel Velasquez/Getty Images 

Nesta fase, as 16 equipes restantes da competição se enfrentam em sistema de jogos de ida e volta. Os vencedores vão às quartas de final.

Veja todos os duelos: 

Flamengo x Racing 

Palmeiras x Delfín 

Jorge Wilstermann x Libertad 

River Plate x Athletico 

Grêmio x Guaraní 

Nacional-URU x Independiente Del Valle 

Santos x LDU 

Boca Juniors x Internacional

Como ficam as chaves? O Palmeiras escapou, além de Flamengo e Santos, das duplas Grenal e Boca-River até a final. O clube paulista tem em seu lado do chaveamento, por outro lado, times como Independiente Del Valle, Athletico e River Plate. 

Na primeira parte da tabela, o vencedor de Guaraní x Grêmio encara quem avançar entre LDU x Santos. Neste lado da chave, também estão os donos dos "clássicos Brasil x Argentina": Internacional, Boca Juniors, Racing e Flamengo. Destes últimos quatro, apenas um estará na semifinal.

O outro lado da chave, teoricamente, está mais "tranquilo" e tem o Palmeiras entre os presentes: Independiente Del Valle ou Nacional-URU vão pegar Athletico ou River Plate nas quartas. Daí, sai um semifinalista, que encara Libertad, Jorge Wilstermann, Palmeiras ou Delfín.

Como foi o sorteio? 

O sistema foi realizado por meio de uma divisão entre os 16 participantes, que foram separados em dois potes. 

No Pote 1, foram listados os oito melhores colocados de cada grupo (Flamengo, Palmeiras, Jorge Wilstermann, River Plate, Grêmio, Nacional-URU, Santos e Boca Juniors).

O Pote 2, por outro lado, reuniu os vice-líderes de cada chave: Independiente del Valle, Guaraní, Athletico-PR, LDU, Internacional, Racing, Delfín e Libertad. 

O chaveamento das oitavas de final teve como única regra a existência de confrontos entre os 1°s e os 2°s colocados de cada grupo.

Ordem dos mandos 

Todos os times que estavam no Pote 1 - e que estão em primeiro na lista dos duelos - jogarão a partida de volta em casa. 

A partir das quartas de final, decide em seu estádio o time que fez a melhor campanha na fase de grupos.

Gol fora serve como desempate? 

Sim. Diferentemente da Copa do Brasil, a Libertadores mantém em sua fase mata-mata a regra do gol fora. Ou seja, em caso de empate, avança quem fez mais gols jogando fora de seus domínios.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar