Liverpool acaba com invencibilidade do City no Campeonato Inglês

Klopp se firma como técnico que mais venceu Guardiola

A Premier League novamente fez jus à fama de melhor liga do mundo com mais um jogaço neste domingo. E trouxe uma importante notícia: a queda da invencibilidade do líder Manchester City após a derrota por 4 a 3 para o Liverpool, no Anfield, pela 23ª rodada. Os Reds chegaram a abrir excelente vantagem com os gols de Chamberlain, Firmino, Mané e Salah, mas Bernardo Silva e Gündogan aumentaram a dose de emoção no fim – Sané marcou o primeiro dos Citizens.

O maior mérito do Liverpool foi conseguir deixar o City desconfortável. A marcação sob pressão funcionou em muitos momentos no jogo, e os donos da casa aproveitaram para construir o resultado num intervalo de nove minutos no segundo tempo, quando Firmino, Mané (foto) e Salah marcaram, aproveitando falhas forçadas de Stones, Otamendi e Ederson. No total, foram 16 finalizações dos Reds, contra apenas 11 dos Citizens - não é algo que acontece todo dia.


De fato o City não vencerá o Campeonato Inglês sem perder como o Arsenal de Wenger e Henry em 2003/04. A última derrota do time de Pep Guardiola no torneio havia acontecido há 30 jogos, em 5 de abril do ano passado (2 a 1 para o Chelsea). Na atual edição, foram 23 rodadas até que os Citizens conhecessem seu primeiro revés. A vantagem na liderança pode cair para 12 pontos caso o Manchester United derrote o Stoke nesta segunda-feira.

Será natural que em algum momento da temporada o Liverpool sinta a falta da magia e criatividade do brasileiro, vendido ao Barcelona. Mas os Reds souberam se virar muito bem no primeiro jogo sem o camisa 10. Marcação adiantada, chances criadas e um resultado que aumentou a sequência invicta para 18 jogos em todas as competições (não perde desde 22 de outubro). O time já é o terceiro no Inglês, com 47 pontos.

Diante dos olhares de Cleber Xavier e Fernando Lazaro, auxiliares de Tite que foram ao Anfield, Roberto Firmino somou mais uma grande atuação na temporada. Além do golaço por cobertura, o segundo do Liverpool, apareceu muito bem fora da área, criou três chances de gol e fez um desarme. Vive grande fase.

Nenhum técnico venceu mais vezes Guardiola do que Jürgen Klopp. O alemão já incomodava o catalão quando treinava o Borussia Dortmund e agora chegou à quinta vitória em 12 jogos (dois empates e cinco derrotas). E também se tornou o primeiro a marcar quatro gols nos times de Pep em duas oportunidades (a primeira em julho de 2013, pela Supercopa da Alemanha).


Fonte: Com informações do Globoesporte.com
logomarca do portal meionorte..com