São Paulo e Corinthians se enfrentam neste sábado, às 16h (de Brasília), no estádio do Morumbi, em duelo que promete ser marcado pela disputa da posse de bola.

As duas equipes lideram o ranking de posse de bola do Campeonato Paulista. De acordo com a Footstats, o São Paulo aparece na primeira colocação, com uma média de 62,9% de posse de bola por partida.

Já o Corinthians ostenta uma média de 61,3% de posse de bola por jogo. Nenhuma outra equipe figura na casa dos 60%. O Palmeiras, terceiro colocado do ranking, tem uma média de 55,2%.

Tricolor teve mais problemas na defesa ao perder o controle do jogo, sofrendo oito gols, contra seis do Timão. (Foto: Divulgação-saopaulofc)Tricolor teve mais problemas na defesa ao perder o controle do jogo, sofrendo oito gols, contra seis do Timão. (Foto: Divulgação-saopaulofc)

São Paulo e Corinthians também mostram equilíbrio no que diz respeito a converter a posse de bola em gols. Ambas os times balançaram as redes 12 vezes no Campeonato Paulista, mas o Tricolor teve mais problemas na defesa ao perder o controle do jogo, sofrendo oito gols, contra seis do Timão.

A média considerável de posse de bola do São Paulo tem motivo. Sem velocistas que possam atuar pelos lados do campo no ataque, o time de Rogério Ceni depende de um jogo mais associativo, com linhas de passe que o leve até o gol adversário de forma um pouco mais burocrática.

O Corinthians, por sua vez, oferece mais repertório ao técnico Vitor Pereira. Nomes como Willian, Roger Guedes, Gustavo Mosquito e Gabriel Pereira se destacam justamente pela velocidade que falta ao elenco do São Paulo.

Com algumas semelhanças e outras diferenças, São Paulo e Corinthians prometem travar um grande duelo no próximo sábado, no Morumbi. Será a estreia do treinador corintiano, que logo de cara terá de lidar com uma atmosfera nada agradável, já que a previsão é de casa cheia no Majestoso. Resta saber quem irá prevalecer em mais um Majestoso.

Com informações Gazeta Esportiva