Morre Waldir Peres, ex-goleiro do São Paulo e da Seleção

Aos 66 anos de idade, ele foi vítima de infarto fulminante.

O ex-goleiro Waldir Peres, ídolo do São Paulo e titular da Seleção Brasileira na Copa do Mundo de 1982, faleceu na tarde deste domingo. Aos 66 anos de idade, foi vítima de infarto fulminante logo depois de almoçar, em Mogi Mirim, no interior paulista.

O ex-jogador não sofria com nenhuma doença, segundo familiares, mas reclamou de azia e falta de ar logo depois de comer. Foi levado ao hospital 12 de Julho, mas não resistiu. Não era casado e deixa dois filhos e uma filha.

 Waldir Peres, ídolo do São Paulo e titular da Seleção Brasileira
Waldir Peres, ídolo do São Paulo e titular da Seleção Brasileira

Nascido em Garça (SP), Waldir surgiu na Ponte Preta, mas foi para o São Paulo em 1973, aos 22 anos. Ficou no clube por quase 11 anos, destacando-se como defensor de pênaltis - teve atuação fundamental na conquista do Campeonato Brasileiro de 1977. Ganhou ainda os Paulistas de 1975, 1980 e 1981.

Waldir Peres foi o segundo jogador com mais partidas pelo São Paulo. Atuou em 617 partidas, acumulando 300 vitórias, 195 empates e 122 derrotas. Só é ultrapassado por Rogério Ceni, que atuou em 1237 jogos.

Waldir saiu do Tricolor paulista em 1984 e, até se aposentar, cinco anos depois, defendeu América-RJ, Guarani, Corinthians, Portuguesa, Santa Cruz e Ponte Preta. Voltou a ser campeão somente em 1988, ganhando o Estadual pelo Corinthians.

Defendeu a Seleção Brasileira entre 1975 e 1982, ano em que foi titular no Mundial da Espanha no qual o time de Telê Santana, com nomes como Falcão, Zico e Sócrates, ficou marcada pelo bom futebol apresentado, mesmo eliminada ao ser derrotada pela Itália antes das semifinais da competição.

Fonte: Terra
logomarca do portal meionorte..com