mais

Neymar pode ter que pagar R$ 45 mil por parto do filho

Jogador foi condenado em primeira instância por obstetra

Neymar pode ter que pagar R$ 45 mil por parto do filho
Neymar | Reprodução

Neymar perdeu em primeira instância o processo que sofreu por conta das dívidas aos profissionais que fizeram o parto de seu filho com Carol Dantas, David Lucca, nascido em agosto de 2011. O craque do Barcelona ainda pode recorrer, segundo informações da Rádio Bandeirantes.

A decisão foi do juiz titular da 9º Vara Cível de Santos, Carlos Ortiz Gomes, e as parets serão intimadas; no caso, Neymar e Carol, que deveriam ao médico Herbert Kramer 30 mil reais, além de 15 mil para a equipe, de acordo com valores já corrigidos monetariamente. Os valores, entretanto, podem chegar a até 80 mil reais.

Kramer afirma que, a pedido do jogador, a cesárea deveria acontecer no Hospital São Luiz, pois o atleta havia conseguido uma permuta com a unidade de saúde. O médico fechou seu consultório em Santos e, junto com um auxiliar e uma enfermeira, foi a São Paulo fazer o parto.

Kramer, entretanto, diz que o pai de Neymar reclamou do valor cobrado e se recusou a pagar, oferecendo uma permuta do valor por publicidade. Na sentença, o juiz Carlos Ortiz Gomes declarou que ''ainda que não concordasse com o valor, é lamentável que, decorridos mais de cinco anos da prestação dos serviços, o demandado não tenha até aqui feito qualquer proposta firme para remunerar os profissionais que trabalharam no parto do filho”.


Image title

Tópicos

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail