Presidente de organizada do Vasco tem prisão preventiva revogada

O grupo foi preso quando planejava uma emboscada a torcedores

O presidente de organizada Força Jovem do Vasco, Sávio Agra Sassi, teve a prisão preventiva revogada. A decisão é do desembargador Paulo Rangel, da 3ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro. Ele estava preso desde outubro do ano passado, quando foi detido com mais 70 vascaínos. O grupo foi preso quando planejava uma emboscada a torcedores do Flamengo antes do clássico válido pelo Campeonato Brasileiro.

Para que seja mantida sua liberdade, Sávio terá que cumprir medidas cautelares, como comparecer quinzenalmente ao juízo. Ele também está proibido de ausentar-se da cidade e de frequentar o São Januário.

Em novembro, cerca de 63 integrantes da Força Jovem do Vasco receberam liberdade provisória. A decisão foi do juiz Guilherme Schilling Pollo Duarte, do Juizado Especial do Torcedor e dos Grandes Eventos. Os torcedores precisam fazer uso de tornozeleiras eletrônicas e só poderão deixar o Rio de Janeiro com autorização judicial.


Fonte: Com informações do Jornal Extra
logomarca do portal meionorte..com