Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Real goleia o La Coruña por 7 a 1 e volta a vencer no Espanhol

Português perde chances antes de marcar seus primeiros gols em 2018

Real goleia o La Coruña por 7 a 1 e volta a vencer no Espanhol
real | Reprodução
Compartilhe
Google Whatsapp

Teve virada, teve goleada, teve 7 a 1. Teve até craque ensanguentado no Santiago Bernabéu. Não faltaram elementos na vitória do Real Madrid sobre o La Coruña neste domingo. Depois de três rodadas, a equipe de Zinedine Zidane voltou a vencer no Campeonato Espanhol - após 43 dias ou três rodadas - no melhor estilo ''Alemanha em semifinal de Copa do Mundo''. Cristiano Ronaldo tentou, tentou, tentou e conseguiu marcar seus primeiros gols em 2018. Fez logo dois. A vontade era tanta, que o camisa 7 levou um chute na cara no segundo gol, abriu o supercílio esquerdo, deixou o campo sangrando (com direito a olhadinha no celular para avaliar o tamanho do estrago) e não voltou mais. Mas nem precisava, a vitória já estava mais do que garantida.

Apesar da fase irregular, o Real Madrid dominou toda a partida diante do 18º colocado do Campeonato Espanhol. Mas precisou de um susto para chegar à vitória. Adrián Lopez abriu o placar em um dos poucos ataques do La Coruña. Depois disso, só deu Real. A virada parecia apenas questão de tempo e veio ainda no primeiro tempo com Nacho e Bale. Na etapa final, um massacre. Bale e Nacho fizeram mais um cada, Modric deixou o seu e Cristiano Ronaldo fechou o placar com dois gols. Uma vitória para dar confiança nos próximos compromissos.

Com a goleada, o Real chegou aos 35 pontos e recuperou a quarta posição. A diferença para o líder Barcelona é de 16 pontos. Já o La Coruña segue na zona de rebaixamento com apenas 16 pontos ganhos.

 class=

Cristiano Ronaldo parecia ansioso. E perdeu chances fáceis por causa disso. O atacante não marcava pelo Real Madrid desde o dia 16 de dezembro, na final do Mundial de Clubes, contra o Grêmio. O gol nesse sábado demorou a sair, mas veio logo em dose dupla, aos 33 e 38 do segundo tempo. Minutos antes ele ainda deu a assistência para Modric fazer o seu.

Marcelo e Casemiro não marcaram na festa de gols do Real neste sábado - o segundo até teve uma grande chance de cabeça. Mas os brasileiros se destacaram na goleada. O lateral deu duas assistências, enquanto o volante deu um passe para gol.

 class=



Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Recomendamos

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Fique por dentro

Receba notícias quentinhas diretamente no seu whatsapp

Continuar

Falta pouco, agora escolha as categorias que deseja receber notícias

Aperte (ctrl + clique) para selecionar vários
Pronto!

Agora você passará a receber novidades diretamente no seu whatsapp.

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto