Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Sané brilha e garante liderança do City

Os ingleses venceram por 2 a 1, com dois gols de Sané.

Compartilhe
Google Whatsapp

O Manchester City confirmou o primeiro lugar do Grupo F da Liga dos Campeões. Diante do já eliminado Hoffenheim, os ingleses venceram por 2 a 1, com dois gols de Sané. A segunda colocação da chave ficou com o Lyon, que ficou no 1 a 1 com o Shakhtar Donetsk, que vai jogar a Liga Europa.

O City terminou a fase de grupos com 13 pontos contra oito do Lyon. Já o Shakhtar ficou com seis. Na lanterna ficou o Hoffenheim, com apenas três.

A vitória dos alemães poderia garantir uma vaga na Liga Europa. Em campo, o Hoffenheim começou mais presente no campo de ataque na primeira metade da etapa inicial. Kramaric era um dos mais perigosos, assustando Ederson.

O atacante croata fez o brasileiro defender com a ponta dos dedos em finalização colocada.

No lance seguinte, contudo, o Hoffenheim foi recompensado. Laporte atropelou Hübner na área. Kamaric bateu o pênalti e fez 1 a 0. A resposta do City foi rápida, com Gabriel Jesus acertando a trave. Stones também teve a sua chance, mas Baumann mandou para escaneio.

Os ingleses melhoraram após levar o gol. O empate parecia questão de tempo. E quase veio com Joelinton, contra, mas a bola pegou no travessão. No apagar das luzes, veio a igualdade. Sané bateu falta com veneno e mandou na gaveta. Um lindo gol do alemão.

Parecia que o jogo era de vida e morte para o City no segundo tempo. A equipe de Manchester fez uma blitz e só não virou porque Baumann estava inspirado. Em um lance, o contragolpe inglês tinha três contra um, mas Bernardo Silva acabou chutando em cima do goleiro.

De tanto pressionar, o City virou, novamente com Sané. E mais uma vez em contra-ataque, Sterling deixou para o alemão, que fez o segundo. Foden também teve sua chance, mas parou em Baumann. Mas a melhor oportunidade de matar a partida saiu dos pés de Sterling, que recebeu cruzamento e, livre, mandou para fora, para desespero de Pep Guardiola.


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Fique por dentro

Receba notícias quentinhas diretamente no seu whatsapp

Continuar

Falta pouco, agora escolha as categorias que deseja receber notícias

Aperte (ctrl + clique) para selecionar vários
Pronto!

Agora você passará a receber novidades diretamente no seu whatsapp.

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto

×