Seedorf entra na Justiça e pede R$ 4 milhões ao Botafogo

Ex-jogador acusa o clube pelo não pagamento de direitos de imagem

Em meio a empolgação pelo anúncio de um pacote de reforços, o Botafogo encara um balde de água fria. Isso porque o holândes Clarence Seedorf, que passou pelo Alvinegro entre 2012 e 2013, entrou na Justiça contra o clube. O ex-jogador acusa o Fogão de não pagar direitos de imagem, além de danos morais e materiais.


O Botafogo ainda não foi chamado para se defender oficialmente. No total, o valor que o jogador pede ao Alvinegro chega a R$ 3,97 milhões.

A ação afirma que o clube de General Severiano deixou de pagar R$ 1.378.030,50 em direitos de imagem. O Alvinegro ainda deixou de recolher na fonte os tributos. O que significa que ao invés de arcar com o salário líquido do atleta, o clube deu ao jogador o salário bruto, sem dedução de impostos. A ausência dessa dedução, de acordo com o documento, gerou um processo na Itália e Seedorf foi obrigado a pagar o equivalente a R$ 2.226.649,37.

Seedorf, que conquistou o carinho dos alvinegros durante sua passagem pelo Botafogo, ainda pede indenização por danos morais e materiais. Somados os valores, a essa parte da dívida chega a R$ 364.966,33. Para este montante, os advogados do ex-jogador afirmam que a tranquilidade do mesmo foi interrompida e ele teve que contratar outros serviços para sua defesa no fisco italiano.


Fonte: iG