Nesta terça-feira, a Seleção Brasileira feminina perdeu o amistoso para a Suécia por 3 a 1, em Estocolmo. O Brasil abriu o placar no início do segundo tempo, sofreu o empate, e levou a virada em poucos instantes. As mandantes ainda mataram a partida nos minutos finais

O primeiro tempo foi marcado pelo equilíbrio, com ambas as equipes alternando boas chances de gol. O time de Pia Sundhage chegava bem com bolas esticadas em direção à Debinha e Kerolin, a dupla de ataque.

Os gols, no entanto, foram sair apenas na segunda etapa. O Brasil abriu o placar com Debinha, logo aos cinco minutos. A lateral-direita Fê Palermo conseguiu bom passe em profundidade e Debinha teve tranquilidade de apenas tirar da goleira Lindahl.

Os gols, no entanto, foram sair apenas na segunda etapa do jogo. (Foto: Lucas Figueiredo - CBF)Os gols, no entanto, foram sair apenas na segunda etapa do jogo. (Foto: Lucas Figueiredo - CBF)

Porém, a Suécia não sentiu o tento brasileiro, pelo contrário. Aos 19 minutos, Kaneryd conseguiu bonita jogada individual na pequena área e empatou para as mandantes. Logo em seguida, Lina Hurtig recebeu cruzamento e, sozinha, virou a partida com bonita cabeçada.

Aos 27 minutos, por pouco o Brasil não empatou com Bia Zaneratto. A atacante recebeu sozinha na pequena área, mas finalizou por cima.

Sem aproveitar sua chance, o Brasil anda sofreu o terceiro gol aos 44 minutos, com Blackstenius. A jogadora sueca saiu na cara da goleira Lorena e finalizou sem grandes problemas,

Com o resultado final, o Brasil fecha a preparação para a Copa América com duas derrotas, para Dinamarca e Suécia, por 2 a 1 e 3 a 1 respectivamente.

A Seleção estreia na Copa América contra a Argentina, no dia 9 de julho. A equipe de Pia está no grupo B ao lado de Peru, Uruguai, Venezuela e Argentina.