Lisca não é mais o técnico do Santos. Em reunião nesta segunda-feira (12), o Comitê de Gestão do clube da Vila Belmiro optou pela demissão do treinador após apenas oito partidas no comando do Peixe.

Até a contratação de um novo nome, a equipe será comandada interinamente por Orlando Ribeiro, técnico do sub-20, e pelo auxiliar Claudiomiro.

Técnico do Santos, Lisca é demitido após apenas oito partidas no comando (Foto: Divulgação)Técnico do Santos, Lisca é demitido após apenas oito partidas no comando (Foto: Divulgação)Além de Lisca, deixam o clube o auxiliar Marcio Hahn e o preparador físico André Volpe. Em nota oficial, o Santos fala em "comum acordo" entre as partes.

"O Santos FC informa que Lisca não é mais o técnico do time profissional. Em comum acordo, diretoria e treinador decidiram encerrar o vínculo. Rueda e Lisca anunciaram a decisão juntos pro elenco e na sequência o treinador se despediu pessoalmente dos atletas", diz a nota.

Durante os últimos dias, o presidente Andrés Rueda garantia a permanência de Lisca no cargo e, inclusive, trabalhava com o treinador no planejamento para a temporada 2023. No entanto, o clima após as derrotas para Goiás e Ceará nas duas últimas rodadas do Brasileirão pesou na decisão pela mudança. 

Reunião para anunciar a demissão de Lisca (Foto: Reprodução)Reunião para anunciar a demissão de Lisca (Foto: Reprodução)O Comitê de Gestão foi convocado nas primeiras horas desta segunda-feira e selou a demissão do treinador. Lisca deixa o Santos com um aproveitamento de 37,5% dos pontos disputados no Brasileirão, com duas vitórias, três empates e três derrotas. Foram sete gols anotados e oito sofridos. 

Por enquanto, o clube não foi ao mercado em busca de um sucessor. Nas próximas horas, a diretoria do Peixe deve definir um alvo para assumir o cargo e iniciar as conversas.

O Santos tem como objetivo a disputa da Copa Libertadores no ano que vem e, para isso, torce para que o atual G6 vire um G8. Com 34 pontos após a disputa de 26 rodadas, o Peixe está na décima colocação - dois pontos atrás do América-MG, o oitavo colocado. A atual distância para o G6 é de nove pontos.

A equipe tem semana cheia de trabalho no CT Rei Pelé e se reapresenta na tarde desta segunda-feira. No domingo, às 18h30 (horário de Brasília), o Peixe visita o Palmeiras, no Allianz Parque, pela 27ª rodada do Brasileirão. 

Fonte: Globo Esporte