O técnico Tite anunciou nesta sexta-feira, na CBF, a convocação oficial da Seleção Brasileira para os amistosos contra Gana e Tunísia, os últimos desafios antes da disputa da Copa do Mundo, no Catar. As principais novidades ficaram por conta de três atletas: os zagueiros Ibañez e Bremer, e o centroavante Pedro. Surpreendentemente, Gabriel Jesus, que faz grande início de temporada pelo Arsenal, não foi lembrado.

Os nomes de Ibañez e Bremer, da Roma e Juventus, respectivamente, são inéditos na lista do treinador. Já Pedro, do Flamengo, aclamado pela torcida, enfim recebeu sua chance na equipe brasileira - esta é a terceira vez que o atacante é convocado por Tite.

Neymar foi um dos convocados por Tite para os amistosos da Seleção Brasileira. (Foto: Charly Triballeau - AFP)Neymar foi um dos convocados por Tite para os amistosos da Seleção Brasileira. (Foto: Charly Triballeau - AFP)

Desde o último chamado do comandante, para os amistosos contra Japão e Coreia do Sul, em junho, Pedro decolou no Flamengo. O jogador atingiu sua marca mais artilheira na carreira ao marcar o 24º gol na temporada, sob o comando de Dorival Júnior. Só na Libertadores, onde o Rubro-Negro garantiu vaga para a final, o atacante balançou as redes 12 vezes, superando a marca de Zico e Gabigol em uma mesma edição pela equipe.

Para a vaga do lateral-esquerdo Guilherme Arana, lesionado, o comandante optou por Alex Telles, do Sevilla. Na direita, o veterano Daniel Alves, que recentemente se transferiu ao Pumas, do México, ficou de fora.

Pedro ficou fora da lista de convocados de Tite. (Foto: Reprodução Twitter)Pedro ficou fora da lista de convocados de Tite. (Foto: Reprodução Twitter)

Destaque também para o alto número de atacantes no grupo. Dentre os 26 convocados, nove fazem parte do setor ofensivo. São eles: Rodrygo e Vinícius Júnior, do Real Madrid, Antony, agora no Manchester United, Raphinha, do Barcelona, Richarlison, do Tottenham, Matheus Cunha (Atlético de Madrid), Firmino (Liverpol), e, claro, Pedro.

O restante da lista seguiu sem surpresas, com nomes já conhecidos pelos torcedores, como Alisson, do Liverpool, Casemiro, também do Manchester United, Marquinhos e Neymar, ambos do Paris Saint-Germain, e Lucas Paquetá, do West Ham.

A convocação definitiva com os jogadores que irão ao Catar ainda não tem data confirmada, mas deve ser divulgada até o dia 14 de novembro. O Brasil figura no grupo G do Mundial, ao lado de Camarões, Suíça e Sérvia.

O amistoso diante da Gana está marcado para o dia 23 de setembro, em Le Havre, na França. Na sequência, no dia 27, o Brasil encara a Tunísia, em Paris.

Gana e Tunísia também estarão no Catar. No Grupo H, os ganeses enfrentarão Portugal, Uruguai e Coreia do Sul. A seleção da Tunísia, por sua vez, está no Grupo D, ao lado de França, Dinamarca e Austrália. A Copa do Mundo começará no dia 20 de novembro, com a final ocorrendo no dia 18 de dezembro.

Confira abaixo os convocados por Tite para os amistosos contra Gana e Tunísia:

Goleiros: Alisson (Liverpool), Ederson (Manchester City) e Weverton (Palmeiras);

Laterais: Danilo (Juventus), Alex Sandro (Juventus) e Alex Telles (Sevilla);

Zagueiros: Éder Militão (Real Madrid), Bremer (Juventus), Marquinhos (PSG), Ibañez (Roma) e Thiago Silva (Chelsea);

Meio-campistas: Fabinho (Liverpool), Paquetá (West Ham), Éverton Ribeiro (Flamengo), Bruno Guimarães (Newcastle), Casemiro (Manchester United) e Fred (Manchester United);

Atacantes: Antony (Manchester United), Matheus Cunha (Atlético de Madrid), Pedro (Flamengo), Neymar (PSG), Richarlison (Tottenham), Roberto Firmino (Liverpool), Raphinha (Barcelona), Rodrygo (Real Madrid) e Vini Jr. (Real Madrid).