Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Torneio inicia sem os protocolos de segurança

Primeira competição no retorno do tênis profissional tem hotel sendo usado por outros hóspedes, e jogadoras

Torneio inicia sem os protocolos de segurança
Donna Vekic treina no WTA de Palermo | Divulgação / WTA
Compartilhe

O WTA de Palermo, primeiro torneio da retomada do tênis, mal começou e já está recheado de polêmicas. Ao longo do fim de semana, a competição passou pela fase classificatória e foi o bastante para ter uma jogadora eliminada por testar positivo para o novo coronavírus, além de outras críticas relacionadas ao pouco isolamento das tenistas no local, deixando-as mais expostas ao vírus, teoricamente.  Informações do site GloboEsportes.comDonna Vekic treina no WTA de Palermo

Uma das jogadoras que criticaram o protocolo foi Donna Vekic. A croata, atual número 24 do mundo, admitiu ter saído do hotel para o centro da cidade, mas também sinalizou que preferia um formato de "bolha", como deve ser adotado em Nova York para a disputa do US Open.

- Aqui eles estão falando que estamos em uma bolha, mas não é nada disso. Eu não quero fingir que estou presa, tanto que ontem fui jantar na cidade (...) Não estou trancada em meu quarto e 90% das jogadoras que estão no torneio também não. Espero que em Nova York, onde a situação está um pouco mais catastrófica, eles imponham multas para tenistas que decidem burlar o protocolo - afirmou Vekic.

O jogador francês Richard Gasquet, atual número 50 do mundo na ATP, foi outro a contestar a movimentação no hotel das jogadoras em Palermo. O experiente tenista de 34 anos afirmou ao jornal L'Équipe que as atletas estão em contato com outros hóspedes e que a falta de isolamento é um "escândalo".

- É um escândalo absoluto que as jogadoras estejam no mesmo hotel que os turistas em Palermo. Não sei como a WTA aceitou isso. Se você fizer o torneio, o hotel deverá ser reservado para os jogadores e seus treinadores. Se não puder, você cancela o torneio. Não vejo isso como normal. É escandaloso que as tenistas entrem em contato com outros hóspedes do hotel. Parece loucura para mim e espero que medidas mais drásticas sejam tomadas no US Open - disparou Gasquet.



Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar