Vasco inicia processo com patrocinador e tem previsão de R$ 25 mi

Na ocasião, o Vasco recebeu R$ 15 milhões da Caixa.

Vasco e Caixa Econômica Federal já deram o pontapé inicial para renovarem o contrato de patrocínio por mais uma temporada. O banco enviou à diretoria do clube a papelada que dá início ao processo de manutenção do vínculo, mas o Cruz-maltino quer mais do que apenas manter a parceria. Depois da temporada na Série B, com direito à redução pela metade na cota do patrocínio, os vascaínos esperam uma readequação referente ao valor recebido em 2015.

Na ocasião, o Vasco recebeu R$ 15 milhões da Caixa, valor que o colocaria, no ano passado, como o terceiro clube mais bem pago pela estatal no país, atrás apenas de Corinthians (R$ 30 milhões) e Flamengo (R$ 25 milhões).

“Temos uma relação de anos com a Caixa, muito boa - ressaltou Marco Antônio Monteiro, vice-presidente de marketing do clube: - Eles sabem que com o retorno à elite o valor precisa aumentar. Já mostramos a eles que a exposição do Vasco na Série B foi melhor do que a de muitos clubes da Série A”.


O aumento esperado ajudaria a diretoria a chegar mais perto do valor que consta na previsão orçamentária para 2017, em que o clube conta com uma receita de R$ 25 milhões em patrocínios no futebol. Além da renovação com a Caixa, que deve acontecer, o Vasco trabalha em outras frentes em busca de parceiros secundários, interessados em outros espaços no uniforme do time.

Mas novidades não devem acontecer enquanto o departamento de marketing do clube estiver em fase de reformulação, iniciada depois da saída de Marcus Duarte, gerente do setor.

- Não vamos falar sobre isso enquanto não terminarmos de arrumar nossa casa, estamos vendo como vamos nos estruturar a partir de agora - afirmou o dirigente.

Em relação à Caixa, a tendência é a de que até fevereiro o Vasco consiga finalizar as negociações e assine o novo contrato de patrocínio com o banco.

Fonte: Com informações do Jornal Extra
logomarca do portal meionorte..com