Zagueiro Paulão elogia Zé Ricardo e diz que grupo está disposto

Zagueiro comentou a iminente chegada do treinador ao Cruz-Maltino

O técnico Zé Ricardo já aceitou a proposta do Vasco e o anúncio da sua contratação deve acontecer ainda nesta quarta-feira. A iminente chegada do novo treinador foi assunto na coletiva do zagueiro Paulão, após o treino nesta manhã. O zagueiro elogiou o comandante e disse que ele vai encontrar um grupo disposto a trabalhar para tirar o Cruz-Maltino desta situação complicada. 


- Sobre o antigo trabalho do Zé aqui eu não conheço muito, mas todo mundo diz que ele teve sucesso. No Flamengo ele foi bem, fez um bom trabalho. Estava perto de ganhar título de melhor trenador do Brasil ano passado por causa da boa campanha no Brasileiro. Acredito que nós jogadores vamos nos apegar nessas qualidades dele. Ele vai encontrar um grupo disposto a fazer um grande trabalho. Depende muito de nós, nós que entramos em campo. Se realmente o Zé chegar, vai encontrar um grupo disposto a isso. Amigos já falaram que ele é uma pessoa do bem. Dentro do futebol, isso tem muito valor - disse Paulão

 (Crédito: LANCE!)
(Crédito: LANCE!)

O zagueiro vê como positiva essa mudança de treinador. Segundo ele, a chegada de um novo técnico serve de motivação para todo o grupo. Isso porque os jogadores passam a se doar mais para conquistar uma vaga na equipe. 

- A chegada de um novo técnico motiva todo mundo do grupo. Renova as possibilidades. Um jogador que não estava sendo escalado passa a jogar mais para ser titular e quem estava jogando sabe que vai precisar jogar mais para se manter no time. Começa tudo do zero. Eu vejo tudo positivo, porque abre novos caminhos para jogadores e faz quem tá no time trabalhar mais. Deixa todos os jogadores com grandes possibilidades de jogar - comentou o defensor, que acredita que o treinador só deve conseguir dar uma cara ao time nas duas semanas livres de jogos até o clássico. 

- Eu penso que o trabalho será depois das duas semanas (após o clássico contra o Fluminense). Muito difícil o treinador dar um toque na equipe em dois dias. Dar um toque em uma jogada, tática, só com o tempo. Acredito que vai dar uma sequência para o jogo de sábado. Acredito que ele vai analisar a situação e depois dar a sequência - completou.

Fonte: Terra