Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Polícia do Paraná prende assassino de Rafael Miguel e seus pais

Delegado-geral de Polícia de São Paulo afirma que a Polícia Militar do Paraná irá anunciar que cometeu um equívoco.

Compartilhe

Foi anunciado pela Polícia Militar do Paraná que o empresário Paulo Cupertino Matias, acusado de matar a tiros o ator Rafael Miguel e seus pais em junho de 2019 em São Paulo, foi preso nesta quarta-feira (28), no norte do Paraná. 

Segundo a polícia, o empresário fez uma identidade com uma certidão de nascimento falsa em Jataizinho, no norte do Paraná. Ele usava o nome de "Manoel Machado da Silva". A polícia informou que o assassino foi presencialmente à prefeitura da cidade para registrar o documento e retornou após uma semana para a retirada.

Documentação falsa de Paulo Cupertino 

LEIA TAMBÉM: 

 - Mensagens mostram pedido de ajuda do assassino do ator Rafael Miguel

"Nos falamos em sonhos" diz irmã de Rafael Miguel, 1 ano após tragédia

 Saiba quem era Rafael Miguel, o ator assassinado pelo pai da namorada

Sogro de Rafael Miguel diz que deveria ter matado filha e esposa

- Último vídeo do ator Rafael Miguel causa comoção na web; veja

Ao descobrir a farsa dos documentos, a polícia paranaense alertou à polícia do estado de São Paulo, responsável pelas investigações do caso. 

Paulo Cupertino é acusado de atirar 13 vezes em Rafael Miguel e seus pais, João Miguel e Miriam Miguel, por não aceitar o relacionamento da filha com o ator.

Em 2020, o empresário entrou na lista de criminosos mais procurados pela polícia de São Paulo.

Acusado de matar ator Rafael Miguel e os pais é preso no Paraná


Entenda o caso

O ator Rafael Miguel, de 22 anos, e seus pais morreram após serem baleados em 09 de julho de 2019, na Estrada do Alvarenga, no bairro da Pedreira, na Zona Sul da capital paulista.

Rafael e seus pais João Alcisio Miguel, de 52 anos, e Miriam Selma Miguel, de 50, foram conversar com a família sobre a gravidez de Isabela Tibcherani (namorada do ator) e os três foram executados pelo pai da jovem de 18 anos.

Durante a conversa, o comerciante Paulo Curpertino Matias, de 48 anos, chegou ao local armado e atirou no três, que morreram no local. O autor do crime fugiu. 

Rafael Miguel ficou conhecido com o sucesso do personagem Paçoca na novala em Chiquititas.

Ator Rafael Miguel, assassinado em julho de 2019


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar