Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Advogado desvia R$ 5 milhões do FGTS para construir casas em Teresina

O nome de operação, Adikia, faz alusão à personificação da injustiça, representada na mitologia grega por uma Deusa.

Compartilhe

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira (17) a Operação Adikia, com o objetivo de combater fraude do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) de valores que deveriam ser destinados a construção de casas habitacionais em Teresina, capital do Piauí. O nome de operação faz alusão à personificação da injustiça, representada na mitologia grega por uma Deusa.

A investigação identificou que um então advogado e principal investigado (atualmente com suas inscrições na Ordem dos Advogados de Goiás e São Paulo canceladas) ingressou com ação judicial, utilizando-se de uma falsa representação (atuando sem procuração) e, com argumentos fictícios e fraudulentos, obteve a transferência de aproximadamente R$ 5 milhões para uma conta judicial em Corumbá de Goiás-GO. Em seguida, foram transferidos para a conta bancária dele, sendo os valores pulverizados, a partir de então, para diversas outras contas.

Polícia Federal deflagra nova operação nesta quinta (Divugação)

Segundo a PF, cerca de 60 policiais federais estão dando cumprimento a 15 mandados judiciais expedidos pela Justiça Federal de Anápolis-GO, sendo 14 mandados de busca e apreensão e 1 mandado de prisão, além de mandados de sequestro de imóvel em condomínio de luxo e veículos automotores, avaliados em aproximadamente 2 milhões de reais.

A presente etapa da operação contribuirá com a identificação de outros possíveis autores e partícipes que eventualmente colaboraram com o crime principal, bem como com o destino dado aos recursos públicos ilicitamente empossados, seja por meio de transferências para terceiros, aquisição de bens ou incorporação patrimonial.

Mandados de Busca e Apreensão em Goiás:

- 9 em GOIÂNIA

- 1 em ITUMBIARA

- 1 em ANÁPOLIS

- 1 Mandado de Prisão em Goiânia

 

Mandados de Busca e Apreensão em São Paulo:

- 1 em SÃO JOSÉ DO RIO PRETO

- 1 em CARDOSO

- 1 em VOTUPORANGA

Bens Sequestrados

- 1 casa de luxo em condomínio fechado (1.250 milhões);

- 1 chácara em Aparecida de Goiânia/GO;

- 3 caminhões ( 2 ano 2019 - 350 mil cada; 1 ano 2010/11 - 150 mil);

- 1 BMW X6 (110 mil)


Com informações da Polícia Federal

 


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar