mais

Advogado Jefferson Costa pediu respeito às mulheres antes de prisão

No dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher, ele postou uma imagem com a frase: "Tua primeira casa foi uma mulher. Respeita e agradece".

O advogado Jefferson Moura Costa, de 45 anos, preso na última quarta-feira (14) acusado de estuprar uma diarista dentro do seu apartamento, na zona Leste de Teresina, fez uma postagem no dia 8 de março, em homenagem ao Dia Internacional da Mulher, parabenizando e pedindo respeito para as mulheres.

A imagem da postagem, que acompanha o texto em seu perfil no Instagram, surge com a frase: "Tua primeira casa foi uma mulher. Respeita e agradece". Ele ainda cita o cristianismo e outras religiões para exaltar a força feminina. Nos comentários, muitos internautas criticaram a publicação, que veio à tona após a sua prisão.

“‘Antes de eu ser eu já era. Meu reino não é desse mundo’, disse o mestre Jesus, ícone do cristianismo. Assim, como em outras religiões como o Budismo a filosofia oriental e etc... a indicar a existência do espírito como vida infinita preexistente. Todavia, minha primeira casa no mundo carnal foi sim o ventre de uma mulher. Parabéns a todas as Mulheres de qualquer raça, cor, etinia nacionalidade por portarem o Maior Amor do mundo à de nos guardar por nove longos nove meses, de nos amamentar, de nos educar, de nos vigiar, de nos proteger, de nos disciplinar e de nos amar da gestação à nossa idade adulta”, diz trecho da publicação. 

Postagem do advogado Jefferson Costa (Foto: Reprodução/ Instagram)Postagem do advogado Jefferson Costa (Foto: Reprodução/ Instagram)

Jefferson Moura Costa foi transferido para o Presídio da cidade de Altos ainda na quinta-feira (15). O suspeito foi preso em flagrante após denúncia da vítima e levado para o 12º distrito policial.  Após os procedimentos, o juiz Markus Calado Schultz, da Central de Inquéritos de Teresina, decretou a sua prisão preventiva

O juiz destacou nos autos que a prisão preventiva do suspeito é necessária em razão da conduta e gravidade do crime e também pelo risco à ordem pública, caso continue solto.

Registro suspenso pela OAB-PI

A Ordem dos Advogados do Brasil - Secção Piauí, anunciou nesta sexta-feira (16), a suspensão preventiva do exercício profissional do Advogado Jefferson Moura Costa, por 90 dias, após ter siddenunciado por estupro em Teresina A decisão da OAB-PI será submetida à análise do Conselho Pleno da Seccional e do Tribunal de Ética e Disciplina (TED), aplicável imediatamente a partir de hoje. 

“A OAB Piauí repudia veementemente a conduta praticada pelo Advogado Jefferson Moura Costa e, por isto, dada a urgência do caso, estou suspendendo a sua atividade profissional por 90 dias, preventivamente, e requisitando informações às autoridades policiais e judiciárias, diante de várias denúncias que estamos recebendo dos crimes praticados por esse Advogado”, explicou o presidente da OAB Piauí, Celso Barros Coelho Neto, em comunicado. 


 

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail