Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Cantor Anderson Rodrigues arrecada 45 toneladas de alimentos em lives

Cantor fez uma série de lives, via redes sociais e também com transmissão na Rede Meio Norte, para arrecadar alimentos para artistas, músicos e suas famílias. O resultado foi tão positivo que doações também foram destinadas à pessoas carentes.

Compartilhe

A crise provocada pela pandemia do novo coronavírus afetou mais uns e outros menos. Mas sem dúvidas o setor que mais foi afetado foi o de entretenimento. Com casas de shows vazias, bandas, DJs, músicos, garçons e seguranças acabaram tendo que se virar para manter a geladeira cheia.

Cestas básicas foram distribuídas para profissionais da noite e pessoas carentes - Crédito: Raíssa Morais

Pensando em toda essa gente, o cantor Anderson Rodrigues criou uma série de lives, via redes sociais e também com transmissão na Rede Meio Norte, para arrecadar alimentos para essas famílias. O resultado foi tão positivo que as doações também foram destinadas à pessoas carentes que não fossem ligados à classe artística.

Anderson explica que muitos colegas estão passando por aperto financeiro e a ausência de apresentações musicais tem trazido uma crise generalizada para o setor. “O último show que fiz foi no dia 7 de março de 2020. Então a ideia da live veio da necessidade de ajudar o pessoal que trabalha como entretenimento. Garçons, produtores, músicos, seguranças, enfim, pessoas que fazem esse setor acontecer. Então juntamos as primeiras 10 toneladas na primeira live, que foi uma edição ainda pequena, somando a necessidade dessas pessoas e a vontade de tocar novamente”, conta.

Cantor Anderson Rodrigues fez série de lives para arrecadar alimentos - Crédito: Raíssa Morais

As lives que vieram em seguida foram maximizadas. “Na segunda leva, juntamos mais 10 toneladas. A terceira live já foi mais grandiosa, então foi mais estrutura. Recebemos muita ajuda de empresários, políticos e amigos. Foi criado o São João Solidário, que começou com o Seu João Claudino Fernandes. Como ele faleceu, foi uma forma de homenageá-lo pelas benfeitorias que ele fez para o Piauí e a cultura. O projeto juntou muitos patrocinadores”, acrescenta Anderson Rodrigues.

Transmissão na Rede MN potencializou divulgação

A Rede Meio Norte também teve papel fundamental no eco das lives de Anderson Rodrigues. “Transmitimos na TV Meio Norte. A última live juntou 25 toneladas de comida. Então passamos a ajuda não só o pessoal do entretenimento, mas também instituições de fora, a igreja, pessoal de Anísio de Abreu, Associação Luís Gonzaga no Pernambuco. Além do Abrigo São Lucas, Lar da Misericórdia e outros”, revela.

Lives arrecadaram ao todo 45 toneladas de alimentos - Crédito: Raíssa Morais 

A intenção do São João Solidário foi juntar música, cultura e o sentimento das festejas juninas. “Mas sem esquecer da solidariedade”, dispara Anderson. “Para os governantes não existe o trabalhador da cultura. Ainda há uma política pobre em relação a isso. Então queríamos mostrar nossa força como empresário e artista. A gente consegue se mexer e se reinventar”, acrescenta o músico.

Anderson Rodrigues fizeram a entrega das doações - Foto: Raíssa Morais

Anderson cobra uma maior valorização da classe artística. “O artista no Piauí parece que vive de favor. Mas estamos aqui para mostrar nossa arte. Além de tirar a questão política, nós seguimos a diante. Queremos ajudar os artistas e todos que estão passando necessidade”, considera o artista.

Periferias e interior também foram beneficiados

Na última semana, Anderson Rodrigues e sua equipe realizaram a entrega de mais 10 toneladas de alimentos. Dispensando os insumos no escritório do músico, no bairro Piçarreira, zona Leste de Teresina.

Cantor afirmou que muitos colegas estão passando por uma situação complicada - Foto: Raíssa Morais

Foram beneficiadas comunidades em Barro Duro e no bairro Angelim, zona Sul de Teresina. “O projeto São João Solidário doou cestas básicas para pessoas do meu município. Muito obrigado de coração”, disse Fredsom Brito, morador de Barro Duro. “Nós só temos a agradecer ao Anderson Rodrigues por todos os alimentos. São pessoas que realmente precisam que vão receber esse arroz e feijão”, definiu Carlos Abreu, que vai distribuir as cestas no Angelim.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar