Após recusar fazer sexo, jovem tem corpo queimado pelo namorado

Crime ocorreu após mulher recusar-se a manter relação sexual com ho

Uma jovem de 18 anos teve 80% do corpo queimado pelo companheiro após recusar-se a manter relações sexuais com ele, de acordo com a Polícia Civil. O crime ocorreu na madrugada deste domingo (22) em Vacaria, a cerca de 240 quilômetros de Porto Alegre, nos Campos de Cima da Serra do Rio Grande do Sul. Parte da casa onde o casal mora também pegou fogo e ficou destruída.

Conforme o delegado Flademir Paulino de Andrade, Michael de Andrade Ribas, de 28 anos, chegou à residência durante a madrugada após uma festa e quis manter relação sexual com a companheira.

Como Stéffani Aparecida Pereira Ribeiro, de 18 anos, negou-se, ele ameaçou atear fogo nela. Com negativa, ele jogou gasolina sobre o corpo dela, posteriormente, ateou fogo.

Outras três pessoas, parentes de Michael, que residem na casa, prestaram socorro à jovem. Eles tentaram apagar o fogo com um banho de chuveiro. No entanto, o fogo se espalhou por outros cômodos, destruindo parte da residência. O Corpo de Bombeiros foi chamado para controlar as chamas.

A vítima foi socorrida e levada ao hospital Nossa Senhora da Oliveira, em Vacaria, onde está internada em estado grave. O suspeito fugiu. Segundo o delegado Flademir, ele é foragido do sistema penitenciário. Ele cumpria pena no Instituto Penal de Passo Fundo, de onde foi liberado para procurar emprego e não voltou mais.

Michael possui antecedentes criminais por sete roubos, sete furtos e duas tentativas de homicídio. A Polícia Civil já pediu a prisão preventiva dele por tentativa de homicídio. A jovem deve ser transferida para um hospital de Porto Alegre ainda neste domingo.

Image title

Image title

Image title

Fonte: Com informações do G1
logomarca do portal meionorte..com