mais

Austrália investiga abandono de menina em estação de trem

Austrália investiga abandono de menina em estação de trem

Austrália investiga abandono de menina em estação de trem
Austrália investiga abandono de menina em estação de trem | Folha

Autoridades australianas investigam o abandono de uma crian?a de tr?s anos em uma esta??o de trem em Melbourne no ?ltimo s?bado (15) e o desaparecimento de sua m?e.

A pol?cia diz acreditar que o pai da menina, Xue Naiyin, que trabalhava em uma revista de l?ngua chinesa na Nova Zel?ndia, pode ter ido para os Estados Unidos ap?s abandonar a menina, Qian Xun Xue, na esta??o de trem. A crian?a foi encontrada sozinha no local.

De acordo com a pol?cia, Qian e seu pai deixaram a cidade de Auckland, no norte da Nova Zel?ndia, onde moravam desde 2002, na quinta-feira (13) e voaram para Melbourne.

Investigadores da Nova Zel?ndia n?o sabem ao certo o paradeiro da m?e da menina, Anni Liu, 27. A pol?cia teme que ela possa ter sido v?tima de viol?ncia, pois n?o procurou a filha.

"Estamos muito preocupados com sua seguran?a", disse o detetive Simon Scott ? imprensa.

No domingo (16), c?meras de um circuito de seguran?a mostraram um homem, que a pol?cia acredita que seja Xue, levando Qian pela m?o at? a esta??o de trem e deixando-a no local.

Registros de companhias a?reas apontam que Xue embarcou em um v?o para Los Angeles cerca de duas horas mais tarde, de acordo com a pol?cia.

O inspetor Brad Shallies, da pol?cia australiana, disse que autoridades dos EUA e a Interpol auxiliam nas buscas por Xue. A menina est? em um abrigo tempor?rio em Melbourne.

Tópicos

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail