Bertolínia tem diversos pontos destruídos após forte chuva

O prefeito de Bertolínia decretou estado de emergência.

O Estado do Piauí vive um momento de grandes chuvas, em algumas cidades a chuva prevista para um mês caiu em poucos dias, como é o caso de Bertolínia, há 430 quilômetros de Teresina e com aproximadamente 7 mil habitantes. No final de semana o tempo foi fechado e as chuvas não pararam, por conta disso, o forte temporal acabou causando prejuízos a muitos moradores.

Os moradores registraram a destruição causada no município. Um morador quase perdeu a sua casa, a chuva cobriu a rua e ele relatou os momentos que viveu durante a tempestade: “Eu estava com um amigo dentro de casa e assistimos, como medo, toda a chuva, que quase destruiu a frente da minha casa”, detalhou.

O muro do prédio do SAMU caiu e o que restou corre risco desabar. O muro da igreja da cidade também foi  ao chão. A moradora de uma casa que fica ao lado da Igreja teve um susto com a inundação após sair de casa.

No centro da cidade foi possível analisar mais destruições, o muro do hospital do município desabou e os calçamentos foram arrastados pelas aguas.

O açude Xixá, principal ponto de lazer da cidade encheu e transbordou nesse final de semana, a água invadiu os bares do local e ameaça isolar a cidade.

A forte correnteza arrancou pedras e algumas ruas ficaram intrafegáveis. A casa do secretário de Obras, Marlon, foi invadida pela agua e o gabinete do prefeito ficou inundado, as paredes e o teto apresentam rachaduras. Na escola Bertolino Rocha o muro também desabou.

O prefeito de Bertolínia, Luciano Fonseca, decretou estado de emergência e calamidade após estragos provocados pela forte chuva.

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Fonte: Com informações do Notícias de Uruçui