A Câmara Municipal de Teresina recebeu projeto minirreforma administrativa da Prefeitura Municipal de Teresina, que transforma a Coordenadoria de Comunicação em secretaria. O texto também inclui a mudança da gestão da Rádio FM Cultura para a Fundação Municipal de Cultura (FMC). As matérias foram lidas nesta quarta-feira e serão votadas na próxima semana. Segundo o vereador Renato Berger, líder do prefeito, a mudança de gestão da Rádio FM Cultura foi um pedido do secretário de Finanças.

Outro projeto enviado pela Prefeitura, que regula a bilhetagem eletrônica do sistema de ônibus para a Empresa Teresinense de Desenvolvimento Urbano (Eturb), comandada por João Duarte, o Pessoinha. A proposta já havia passado pela leitura e já poderia ser votada hoje e foi adiada em razão da falta de quórum. O adiamento da votação foi um pedido de vereadores, que informaram não poder comparecer à sessão.

Câmara recebe mensagem de reforma administrativaCâmara recebe mensagem de reforma administrativa

Após a primeira votação na próxima terça-feira (15), se aprovada, a segunda votação para a passagem da bilhetagem a Eturb ainda terá que aguarda 10 dias, uma vez que altera a Lei Orgânica Municipal.

O vereador Renato Berger admite que em caso de necessidade serão feitas novas mudanças. "O prefeito tem dito que fará mudanças em cargos técnicos de pastas e admitiu que, no prazo de três meses, quem não cumprir as metas estabelecidas pela atual gestão, poderá exonerar os gestores", disse.