Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

BNB aplica R$ 1,3 bilhão no Piauí no primeiro trimestre

O demonstrativo financeiro referente ao primeiro semestre do ano apontou para a contratação de R$ 18,8 bilhões em operações de crédito no período, beneficiando milhares de micro e pequenos empreendedores da região. OLHO//

Compartilhe
Google Whatsapp

O Banco do Nordeste apresentou na terça-feira, 13 de agosto, o demonstrativo financeiro referente ao primeiro semestre do ano, apontando para a contratação de R$ 18,8 bilhões em operações de crédito no período, beneficiando milhares de micro e pequenos empreendedores da região. Com o bom resultado, apesar dos entraves econômicos do país, o BNB alcançou o maior lucro da série histórica para os seis primeiros meses de um ano, atingindo o patamar de R$ 744,8 milhões.

No Piauí, o indicativo não é diferente, a atuação do Banco viabilizou ao Estado o montante de R$ 1,3 bilhão em mais de 272 mil operações de crédito contratadas. Números que consolidam a importância do trabalho da instituição no desenvolvimento local. "Foi um resultado muito positivo, porque tivemos um investimento maior do que o ano passado, o Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) e o Crediamigo tiveram um desempenho muito bom no Estado. Foi aplicado mais de R$ 1,3 bilhão, um valor compatível ao do ano passado, mas ligeiramente maior, estamos trabalhando para manter essa curva de crescimento no segundo semestre", indicou o presidente do BNB, Romildo Rolim.

O líder da instituição sinaliza que o objetivo é atuar como um banco fomentador do desenvolvimento regional, apostando nas suas potencialidades através do acesso ao crédito e de investimentos no Piauí e nos demais Estados.

"Nós estamos fazendo todo esse trabalho, o Piauí tem o agronegócio forte, tem grande potencialidade no Cerrado, é uma estratégia do Banco atuar no desenvolvimento da região", revelou Romildo Rolim, que indicou para a construção de um relatório com todo o efeito positivo gerado pelas aplicações do BNB, como por exemplo na arrecadação de impostos e na geração de emprego e renda.


Em âmbito geral, o lucro do BNB no semestre inicial de 2019 foi 223% maior do que no mesmo período do ano passado, e o montante contratado representa crescimento de 8,2% em comparação com o resultado apurado de janeiro a junho de 2018. Os números estão no balanço financeiro da instituição, a ser publicado nesta quarta-feira, 14.

O resultado operacional do BNB nos seis primeiros meses é de R$ 1,1 bilhão. O valor é 161,1% maior do que no mesmo período de 2018, e decorre do aumento do volume de contratações e desembolsos aliado à redução do aprovisionamento para risco de crédito e redução de despesas administrativas. Nos seis primeiros meses do ano, foram contratadas, no total, mais de 2,5 milhões de operações. Só com recursos do FNE, o Banco do Nordeste aplicou R$ 13,4 bilhões, distribuídos em mais de 250 mil contratos. O resultado é 8,9% superior ao do primeiro semestre de 2018.


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Fique por dentro

Receba notícias quentinhas diretamente no seu whatsapp

Continuar

Falta pouco, agora escolha as categorias que deseja receber notícias

Aperte (ctrl + clique) para selecionar vários
Pronto!

Agora você passará a receber novidades diretamente no seu whatsapp.

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto