mais

Brasil registrou 14 mil denúncias de abuso sexual infantil

Número de abuso sexual, estupro e exploração sexual contra crianças e adolescentes pode ser ainda maior.

No ano de 2020, o Brasil registrou mais de 95 mil denúncias de violência contra crianças e adolescentes. Desse total, mais de 14 mil corresponderam a abuso sexual, estupro e exploração sexual e incluem ainda incluem violência física e psicológica.

Segundo o secretário nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente, Maurício Cunha,  estudos apontam para a subnotificação dos casos de abuso sexual, em que são denunciados apenas um caso para cada dez que ocorrem ou mesmo um caso registrado para cada vinte que acontecem pelo Brasil.

O Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH) atualizou a cartilha com informações sobre abuso sexual contra esse público. Além dos novos dados, o documento incentiva o registro da denúncia e sensibiliza as famílias a respeito deste tema.

Brasil registra número elevado de casos de vabuso sexual infantil (Pixabay)Brasil registra número elevado de casos de vabuso sexual infantil (Pixabay)

Como prevenir contra o abuso sexual de crianças

É importante que os adultos responsáveis se mantenham sempre atentos. O psicólogo clínico Luiz Fernando Rossfa Dias Macedo, explica que, muitas vezes, com boa intenção, os pais punem os filhos quando eles agem de maneira errada, mas acaba não sendo comum ter uma recompensa por falar a verdade.

Desta forma, o ciclo de punições pode fazer com que a criança ou o adolescente evite falar, que ele se feche ou comece a mentir para evitar esse castigo. Por isso a importância de manter uma boa relação entre pais e filhos.

O delegado da Polícia Civil do Distrito Federal, Luiz Melo, que atua na Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente, destaca que os sinais deste tipo de crime podem ser vários, mas é responsabilidade de todos os adultos envolvidos com a criança, estarem vigilantes pelo bem-estar.

Brasil registrou 14 mil denúncias de abuso sexual infantil - Imagem 2

Como identificar possíveis sinais de abuso sexual infantil

- Segundo a psicóloga infantil, Erica Farias, é importante observar o comportamento da criança, pois muitas vezes ela terá dificuldade para falar o que está acontecendo, seja por medo, por ser ameaçada ou simplesmente por não entender.   

- O aparecimento de agressão verbal ou física, por parte da criança, destruição de objetos, mentira, roubo, mudanças bruscas de comportamento (socialmente, o comportamento fica inadequado);

- Sintomas emocionais como retração social, ansiedade, depressão, baixa autoestima, angústia, tristeza sem motivo aparente, aperto no peito e vontade de chorar;

- Esteja atento aos sinais externos, como aparecimento de marcas no corpo, como roxos, machucados, queimaduras de cigarro;

- Surgimento de corrimento vaginal nas meninas e/ou aparecimento de DST;

- A psicóloga enfatiza “o que precisa ficar muito claro, é que o abuso sexual e a exploração sexual infantil, requerem uma estrutura de poder: um adulto, com conhecimento da sua própria sexualidade, se utiliza de uma criança, que não sabe ainda nada. É uma posição de poder do adulto, que transforma a criança em um objeto, para sua própria satisfação sexual”, concluiu. (Fonte Brasil61)

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail