Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Campanha “Preciso Viver” 2019 aborda a promoção da saúde

Campanha lançada pela Rede Feminina Nacional de Combate ao Câncer juntamente com todas as Redes Estaduais do país, no dia 07 de abril, tem como tema a promoção da saúde como garantia de qualidade de vida.

Compartilhe

Considerado um direito fundamental do ser humano, reconhecido pelos foros mundiais, a saúde é tida como o melhor e maior recurso para o desenvolvimento social, econômico e pessoal, contribuindo para a promoção e melhoria da qualidade de vida da sociedade.

Diante disso, a campanha “Preciso Viver 2019”, que será lançada pela Rede Feminina Nacional de Combate ao Câncer (RFNCC) juntamente com todas as Redes Estaduais do país, no dia 07 de abril, tem como tema a promoção da saúde como garantia de qualidade de vida.

A campanha, que está em sua segunda edição, será realizada durante todo o mês de abril em alusão ao dia 08, considerado o ‘dia D’ do combate mundial ao câncer. Ano passado, o movimento destacou o direito dos pacientes oncológicos a um tratamento de saúde digno, humanizado e tempestivo. Com o intuito de ser realizada todos os anos, a cada edição, a campanha abordará uma temática diferente, voltada, sobretudo, para a saúde do paciente oncológico e para a promoção da qualidade de vida a fim de prevenir a doença.

No dia 07 de abril, todos os voluntários e pacientes realizarão algum ato em cada Estado com o objetivo de alertar a população sobre estilos de vida considerados prejudiciais à saúde e a importância da mudança de alguns hábitos como forma de garantir qualidade de vida.

Segundo Carmen Lúcia Campelo, presidente da RFNCC e da Rede Feminina de Combate ao Câncer do Piauí (RFCC-PI), as expectativas para a campanha 2019 é de que todas as Redes promovam o “Preciso Viver” em seus estados e municípios. “Esse ano, trabalharemos a promoção da saúde ligada ao câncer e espero que realmente a gente atinja o nosso objetivo e consigamos um movimento grande focando no programado. Espero ainda que as Redes que aderirem à campanha consigam realizar não todas as atividades que a Rede Nacional sugerir, mas pelo menos três ou quatro”, falou Carmen.

Carmen destaca ainda, que o desejo é de que muitas pessoas sejam alertadas para alguns hábitos saudáveis que garantam a saúde e evitem o câncer. “Não afirmo que a mudança nesses hábitos seja a solução para quem está com a doença ou para não contrai-la. Afirmo que deixar de lado alguns hábitos que não são considerados saudáveis, como fumar, ser sedentário ou se alimentar mal é a mudança para que haja qualidade de vida e essas pessoas sejam menos propensas ao surgimento do câncer”, disse ela.  

Considerado dois temas estritamente relacionados, saúde e qualidade vida estão ligados em virtude de um complementar o outro, ou seja, segundo pesquisadores e cientistas, a saúde contribui significativamente para a melhoria da qualidade de vida de um indivíduo ou de uma sociedade. Sendo assim, buscando essa melhoria e a garantia da saúde, o ser humano atinge também, um completo estado de bem-estar físico, mental e social, devendo, antes de tudo, identificar aspirações, satisfazer necessidades e modificar favoravelmente o ambiente natural, político e social.

Carmen ressaltou que a escolha do tema se deu em consonância com as demais Redes, no Congresso Nacional realizado em Juiz de Fora (MG), em novembro do ano passado. Segundo a presidente, o objetivo principal da campanha é informar. “Informar as pessoas que alguns hábitos podem impactar a saúde e ter relação com o câncer. E a fim de evitar isso, esses hábitos podem e devem ser modificados”, disse ela. Mas há ainda um outro objetivo por trás da campanha. Segundo Carmen, a ideia é que, ao final da campanha, a Rede possa sair com um documento em mãos para ser apresentado ao Ministério da Saúde ou ao Congresso Nacional, com a finalidade de impactar diretamente na promoção da saúde. “Ainda estamos fazendo uma análise a quem vamos entregar esse documento, assim como estamos analisando também se faremos algo relacionado à parte nutricional ou a parte do sedentarismo”, pontuou ela.

Esse ano, o Piauí realizará algumas atividades voltadas para a promoção da saúde e qualidade de vida, que serão realizadas durante todo o mês de abril, como parte da programação definida pela Rede Feminina.


Programação local

A grande novidade este ano será a corrida ‘Run for Life’ ou ‘Correr pela Vida’, que acontecerá no dia 07 de abril. Os participantes estarão com uma camisa, que carregará na parte da frente, o nome de uma pessoa que foi acometida pelo câncer, pelo qual o participante está correndo.

Para quem deseja participar, as inscrições já estão abertas e podem ser feitas através do site www.xcrono.com.br.

A concentração acontece partir das 6h30min, na sede do Lar de Maria, localizado na Avenida São Raimundo – Bairro Piçarra. A saída está prevista para às 07h e os participantes inscritos farão um percurso de 5km.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar