Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Caseiro demitido comandou ataque e morte aos pais de deputado no MA

A Polícia trabalha agora com duas hipóteses: de duplo homicídio, por vingança, ou de latrocínio

Compartilhe

O caseiro identificado como “Fabinho”, demitido há um mês, foi quem comandou o ataque aos pais do deputado Cléber Verde (Republicanos) na zona rural de Turiaçu, a 252 km de São Luís. Para matar Maria da Graça Cordeiro Mendes e Jesuíno Cordeiro Mendes, após a invasão do sítio da família, no povoado Limão, o caseiro contou com a ajuda de dois menores e um adulto. As informações são do Blog do Gilberto Lima.

Leia Mais: Mãe do deputado Cléber Verde é assassinada em fazenda no Maranhão

Debupato Cleber Verde ao lado dos pais - Foto: Reprodução

A suspeita é de que o crime possa ter sido praticado por vingança, pois nada foi levado da casa dos pais do parlamentar. Na hora da invasão, Maria da Graça estava sozinha na sala, enquanto o marido consertava uma cerca nos fundos da casa.

Eles mataram a mãe do deputado a facadas e golpes na cabeça. Jesuíno foi morto posteriormente, sendo seu corpo encontrado por volta das 4h da madrugada desta quarta-feira (15).

Depois de inúmeras buscas, em meio à madrugada, os policiais que vasculhavam a área localizaram os suspeitos. Houve troca de tiros, dois deles foram presos e outro morreu no tiroteio. Um quarto homem se encontra foragido. É possível que o suspeito morto seja o caseiro.

Leia Mais: Corpo do pai do deputado federal Cléber Verde é encontrado no Maranhão

“Tomamos conhecimento de local onde os suspeitos se encontravam. Fizemos o cerco e houve reação. Um deles saiu com um revólver calibre 22 e disparou contra os policiais, que não foram atingidos, mas revidaram ao ataque. O suspeito foi alvejado e morreu”, disse um policial que participou da operação.

O pai do parlamentar seguia desaparecido desde o momento da morte da esposa Maria da Graça, 70 anos, que aconteceu, conforme está esclarecido, quando quatro homens invadiram a fazenda (sítio) deles, no povoado ‘Limão’, em Turiaçu.

Depois do confronto, as buscas continuaram, com ajuda de populares que acabaram encontrando o corpo de Jesuíno, com marcas de tiros. O casal morava sozinho e plantava açaí. Após o tiroteio, prisão dos dois suspeitos e morte de um dos suspeitos, a polícia intensificou as buscas em relação a Justino, que continuava desaparecido. Mais tarde, o corpo do pai de Cléber Verde foi encontrado.

Fabinho que é um dos suspeitos do crime morreu no confronto com a polícia - Foto: Reprodução

A Polícia trabalha agora com duas hipóteses: de duplo homicídio, por vingança, ou de latrocínio. A de latrocínio está praticamente descartada, porque nada foi levado da casa. A polícia está providenciando o traslado do corpo de Jesuíno Mendes, que se encontra neste momento em casa, para o hospital do município de Governador Nunes Freire, onde será realizada necropsia.



Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar