Alguém bate a sua porta e informa que é recenseador do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Como confirmar se é mesmo um servidor do órgão? É bem simples: basta acessar o site ibge.gov.br. Logo na página inicial, haverá uma tela questionando se você deseja verificar a identidade do entrevistador. No local indicado, insira o número de CPF, RG ou matrícula e confira se as informações coincidem.

Além de estarem registrados no sistema – com nome, número de matrícula, lotação, situação e foto – todos os recenseadores trabalham devidamente padronizados. Eles utilizam colete, boné e Dispositivo Móvel de Coleta (DMC) de cor azul com a logomarca do IBGE. Na lateral do colete, fica exposto o crachá do servidor, no qual também consta o nome, matrícula, número da identidade e foto.

Censo 2022: saiba como verificar a identidade de um recenseador - Imagem 1

Se preferir, também é possível verificar a identidade do recenseador por meio de chamada telefônica gratuita. É só ligar para 0800 721 8181. No menu, você ouvirá a mensagem “para verificar a identidade do recenseador, digite 1”. Quando digitar 1, será atendido por um agente do IBGE. Então, basta informar o número de matrícula, RG ou CPF do servidor para o atendente, que fará a consulta e confirmará ou não a autenticidade.

Os recenseadores já estão nas ruas de todo o país desde o dia 1º de agosto. No Piauí, são 2.633 pessoas na função, percorrendo os 224 municípios do estado. Os mais de 900 mil domicílios piauienses serão visitados durante o Censo Demográfico 2022, onde devem ser encontrados cerca de 3,2 milhões de habitantes.

Para saber mais, acesse o site censo2022.gov.br.