O come?o do ano ? um dos per?odos mais favor?veis para quem quer ser contratado, segundo servi?os de recoloca??o profissional. Procurar trabalho s? depois do carnaval ? um grande erro.

Camila est? desempregada desde 2006. Este ano deixou de lado a id?ia de que emprego s? se consegue depois do carnaval. ?Acho melhor ou procurar no final do ano ou agora no comecinho n???, comenta a garota.

Outras pessoas tiveram a mesma id?ia. A fila no Centro de Apoio ao Trabalho da Prefeitura de S?o Paulo est? bem maior que no ano passado. A procura cresceu 30%.

O final e o in?cio do ano s?o as melhores ?pocas para procurar emprego. De novembro a dezembro, por causa do trabalho tempor?rio. De janeiro a mar?o porque ? quando as empresas est?o consolidando os planos tra?ados no ano passado, o que geralmente inclui contrata?es. Ainda mais em ?poca de economia aquecida.

O diretor de uma empresa de recursos humanos diz que a procura por emprego aumentou 25% em rela??o ao ano passado e h? pelo menos 10% mais vagas dispon?veis.

Nas ?reas de menor qualifica??o est?o os cargos de assistente administrativo, operador de telemarketing e vendedor, mas tamb?m h? vagas para engenheiros e executivos, que n?o s?o preenchidas por falta de candidatos.

?A hora ? agora. Tem que come?ar a procurar as vagas, tem que come?ar a visitar sites de empresas, ver classificados de jornais, quanto mais enviar curr?culo pra empresas maior a chance de ser chamado em processo seletivo?, afirma Lu?s Eduardo Pagnez, diretor de Recursos Humanos.

? com isso que Larissa est? contando. ?Amanh? vou para a pr?-sele??o. Se Deus quiser vai dar certo?, afirma Larissa.

No Centro de Apoio ao Trabalho, est?o dispon?veis mais de dez mil vagas de emprego e nos postos de atendimento ao trabalhador, criados pelo governo do estado, s?o mais 12,8 mil vagas na capital e na Grande S?o Paulo.