Petrobras deve voltar a fazer concursos públicos com regularidade

Desde 2014 a estatal não realizava processos seletivos

A Petrobras pretende voltar a realizar concursos públicos para contratação de pessoal com regularidade, possivelmente todos os anos. Foi o que afirmou nesta segunda-feira (21) o diretor executivo de Assuntos Corporativos da Companhia, Hugo Repsold Júnior.

Desde 2014 a estatal não realizava processos seletivos. No dia 14 de agosto, divulgou um edital para 954 vagas, sendo 159 para contratação imediata e 795 para cadastro de reserva.

“Agora a empresa volta à sua dinâmica normal. Nós vamos fazer vários processos seletivos públicos”, afirmou Repsold após a cerimônia de abertura da O&G TechWeek, evento organizado pelo Instituto Brasileiro de Petróleo (IBP) ao longo desta semana no Museu do Amanhã, no Rio.

Diretor executivo de Assuntos Corporativos da Companhia, Hugo Repsold Júnior, durante entrevista nesta segunda-feira (Crédito: G1)
Diretor executivo de Assuntos Corporativos da Companhia, Hugo Repsold Júnior, durante entrevista nesta segunda-feira (Crédito: G1)

Questionado se há previsão de abertura de novo edital ainda em 2017, o diretor disse que não sabe se “ainda dá tempo”, mas reiterou “isso vai ser uma rotina na Petrobras".

Repsold Júnior afirmou que não foi concluído o planejamento sobre a abertura de novas vagas. “O que eu posso dizer é que isso vai deixar de ser um evento. Agora vai voltar a ser regular. A gente espera fazer isso todos os anos para todas as disciplinas”, disse.

Repsold lembrou que a companhia passou recentemente por um Programa de Incentivo à Demissão Voluntária (PIDV), no qual certa de 17 mil funcionários foram desligados. Ele enfatizou que o programa teve como objetivo “adequar a força de trabalho da Petrobras aos desafios que ela tem”. Ele afirmou ainda que “novos PIDVs não vão acontecer”.

Petrobras (Crédito: G1)
Petrobras (Crédito: G1)

Segundo o diretor, atualmente a companhia trabalha na conclusão de um planejamento da força de trabalho. “Ele concluído, vai estar todo mundo bem quantificado e qualificado e a empresa vai voltar a contratar”.

Um dos focos do planejamento é investir em qualificação dos empregados, principalmente os que vierem a ser contratados nos próximos concursos públicos. “A gente vai reforçar o treinamento dessas pessoas, principalmente nesse mundo novo, digital, com muita tecnologia, com ensino a distância”, destacou Repsold.

Fonte: Com informações do G1