Criança baleada na cabeça em Timon segue em estado grave

Disparo teria sido efetuado por um parente da criança, que é menor.

Uma criança de dois anos foi baleada na cabeça na última sexta-feira, em Timon, no estado do Maranhão. De acordo com informações, a criança está em estado grave em um hospital infantil em Teresina. Um parente, um adolescente de apenas 16 anos, é acusado de ter realizado o disparo.

De acordo com George Thalles, da Delegacia do Adolescente Infrator de Timon, uma tia da criança confirmou que o disparo pode ter sido efetuado pelo menor. 

“A delegada plantonista ouviu a tia da criança que informou que um sobrinho dela de 16 anos havia chegado na residência dela com uma arma de fogo. Ela havia pedido para ele tirar a arma da casa, uma vez que ela não concordava. Ela voltou a deitar-se e de uma hora para outra ouviu um barulho e quando foi olhar a criança tinha sido baleada”, disse.

Segundo o delegado, o caso será entregue ao Ministério Público. “Nós estamos encaminhado o procedimento ao Ministério Público para que seja decidido os procedimentos feitos com esse adolescente", acrescentou George. 

A criança primeiramente foi levada para a Unidade de Pronto Atendimento de Timon e devido à gravidade encaminhada para o HUT e depois transferida para um hospital infantil. 

Familiares preferiram não falar com a reportagem, embora tenham informado que o estado de saúde da criança é grave. 

Residência em Timon onde a criança foi baleada (Crédito: Rede Meio Norte)
Residência em Timon onde a criança foi baleada (Crédito: Rede Meio Norte)



Fonte: Portal Meio Norte
logomarca do portal meionorte..com