Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Criança de 6 anos morta pela vizinha é enterrada

Sepultamento foi realizado neste sábado (10). Sarah Maria de Araújo confessou o crime e deu detalhes de como matou a menina.

Compartilhe
Google Whatsapp

Mias um crime que dilacerou o coração dos brasileiros.  O corpo de Amanda Filgueiras Calais, de 6 anos, que foi morta pela vizinha, foi sepultado na manhã deste sábado (10) em Divinópolis. O cortejo chegou por volta das 8h40 ao cemitério Parque da Colina, no Bairro Jusa Fonseca. Informações do G1.

Orações e choro tomaram conta de familiares e amigos que estiveram no local para prestar as últimas homenagens a Amanda. O corpo da menina foi encontrado nesta sexta-feira (9) próximo ao local onde ela morava no Bairro Lagoa dos Mandarins.

A vizinha de Amanda, Sarah Maria de Araújo, de 38 anos, confessou o crime nesta sexta e disse que a morte da menina foi motivada por vingança. Segundo Sarah, a intenção era matar a mãe de Amanda.

Sarah disse que matou Amanda por vingança contra a mãe da criança — Foto: Reprodução/ TV Integração.

A mulher está no presido Floramar e vai responder por homicídio qualificado.

Entenda o caso

A PM disse que a família comunicou o desaparecimento da menina por volta das 17h desta quinta-feira (8). Em conjunto com moradores e o Corpo de Bombeiros, foi iniciada uma varredura pelo bairro na tentativa de localizá-la.

Por volta de meia-noite de sexta-feira, moradores da rua onde a criança vivia com a família ouviram um forte barulho no quintal e foram verificar. Quando chegaram ao local encontraram o corpo da criança caído.


Amanda foi morta pela vizinha no Bairro Lagoa dos Mandarins — Foto: Redes sociais/ divulgação.

Na residência vizinha de onde o corpo foi localizado, foram encontradas roupas da vítima e marcas de sangue. De acordo com a Polícia Civil, a autora é vizinha da vítima e após matar a criança jogou o corpo pela janela do segundo andar do sobrado onde mora.

A mulher foi ouvida na manhã desta sexta-feira na sede da delegacia. Após ter confessado o crime para a Polícia Militar (PM), ela disse para a Polícia Civil que a morte de Amanda foi um acidente.

Entretanto, o delegado afirma que os trabalhos de investigação realizados pelas equipes da polícia comprovam que a situação não foi um acidente. O laudo da perícia técnica comprova que Amanda não morreu pela queda do segundo andar, a causa da morte foi por asfixia.

Motivação

Após confessar o crime, Sarah deu detalhes à Polícia Civil de como matou a criança durante uma coletiva de imprensa. Segundo ela, o ato foi motivado por uma vingança.

A mulher disse também que queria ter matado a mãe de Amanda e não a criança. A mulher será indiciada pelo crime de homicídio qualificado, por se tratar de vingança, por ter ocorrido asfixia e fraude processual, tendo ela alterado a cena do crime.


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Fique por dentro

Receba notícias quentinhas diretamente no seu whatsapp

Continuar

Falta pouco, agora escolha as categorias que deseja receber notícias

Aperte (ctrl + clique) para selecionar vários
Pronto!

Agora você passará a receber novidades diretamente no seu whatsapp.

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto

×