Criança desmaia após comer bombom entregue por desconhecido no PI

Esse já é o segundo caso registrado no Estado.

Uma menina de 8 anos de iniciais A.C.C.A, passou mal e teve que ser transferida para o Hospital Regional Justino Luz, na cidade de Picos, após ingerir um bombom de chocolate na escola onde estuda em Alegrete do Piauí, cidade localizada a 383 km de Teresina.

De acordo com as informações repassadas a um portal local, pela manhã durante o horário em que a criança estava na escola, a mãe recebeu uma ligação anônima afirmando que sua filha seria sequestrada.

“Logo que recebi a ligação imediatamente fui a escola e chegando lá ela já teria ido para casa da avó sem me avisar pois já havia terminado as aulas, peguei ela na casa da avó levei ela até em casa, quando coloquei a refeição ela começou a passar mal, vomitou o chocolate e perguntei quem teria dado esse bombom, ela afirmou que durante a aula teria saído para beber água e um desconhecido por fora da escola a chamou e deu o doce. Ela nem chegou a comer no mesmo momento e sim quando estava indo para casa da avó”, disse a mãe arrasada com o ocorrido.

A menina foi atendida na Unidade Básica de Saúde, Maria Francina de Alencar, em Alegrete, onde foi feito os primeiros socorros, e transferida para Picos. Ainda de acordo com as informações da mãe, ela seguiu desmaiada e com sonolência, mas já começou a voltar ao normal. “A médica afirmou que ela apresentava sintomas de quem tinha sido dopada”, declarou a  mãe desesperada que alertou a a todos que tomem cuidado para outras crianças não serem pegas pela ação.

A vítima continua internada no Hospital Regional Justino Luz e está sendo medicada. De acordo com a delegacia da cidade, o caso ainda não foi registrado.

Populares afirmam que a criança pode ter sido vítima de um desconhecido que possivelmente participa do jogo da ‘Baleia Azul’, onde os participante tem que cumprir regras para afetar outras pessoas.

Esse já é o segundo caso no Estado, o primeiro foi de um garoto na zona Leste de Teresina, que sofreu convulsões após comer um bombom. Também foi registrado um caso de um garoto em Campo Maior, que desmaiou na escola ao tentar cortar os pulsos com estilete.


Fonte: Com informações do Cidades na Net
logomarca do portal meionorte..com