Um garoto de apenas 11 anos, identificado como Nikita, foi morto por dois ursos após ser arrastado para dentro da jaula em um resort na Rússia. Um processo criminal foi aberto contra o proprietário do local por 'causar morte por negligência'. 

De acordo com informações do jornal Daily Mail, o menino teria tentado  "mostrar sua bravura" a duas meninas e pretendia tirar uma foto perto dos animais. Os funcionários do resort mataram os dois ursos para conseguir retirar o corpo do menino da jaula.

Garoto morre após se atacado por ursos em resort na Rússia (Reprodução)Garoto morre após se atacado por ursos em resort na Rússia (Reprodução)

As garotas, da mesma idade,  assistiram horrorizadas enquanto os ursos arranhavam e mordiam o amigo. Ela gritaram por ajuda e telefonaram para os pais, mas o menino não resistiu aos ferimentos. Uma equipe de ambulâncias confirmou sua morte. Os psicólogos agora estão trabalhando com as meninas traumatizadas.

Ainda conforme o jornal, o portão da jaula externa dos ursos foi deixado 'destrancado' no mini-zoológico de uma pousada em Dagomys. Nikita entrou, mas depois foi puxado para dentro da gaiola interna por um buraco cavado pelos ursos sob as barras.

Animais foram abatidos (Reprodução)Animais foram abatidos (Reprodução)

Um morador disse que o menino abriu o portão querendo tirar uma foto e deu um tapa nas patas dos ursos para mostrar o quão legal ele era. "Eles ficaram jogando-o como uma bola. Ele ficou todo quebrado", disse a testemunha. O prefeito de Sochi, Alexey Kopaygorodsky, reagiu banindo todos os mini-zoológicos do resort.