Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Cursinhos populares podem se tornar permanentes no Estado

Cursinhos populares podem se tornar permanentes no Estado

Compartilhe

A deputada Flora Izabel ocupou a tribuna da Assembl?ia Legislativa, na sess?o desta quinta-feira (01), para dizer que apresentou ontem (31) projeto de lei que torna permanentes os cursinhos populares, criados pelo Governo do Estado, mas que n?o s?o regulamentados por lei. No ano passado, alunos dos pr?-vestibulares p?blicos de 162 munic?pios conquistaram 50% das vagas do vestibular da Universidade Estadual do Piau?(Uespi), o que ? um ?ndice que supera todas as expectativas, segundo o coordenador do programa, professor Wellington Soares.

Com a aprova??o do projeto, os cursinhos populares ter?o continuidade, independente da mudan?a de governo, beneficiando os alunos carentes da rede p?blica estadual e promovendo a inclus?o no ensino universit?rio. Este ano, os cursinhos populares j? beneficiam 25 mil de Teresina e de mais 161 munic?pios piauienses. A meta da Secretaria Estadual de Educa??o ? levar o benef?cio a 180 munic?pios.

?A lei d? uma seguran?a aos alunos carentes desses cursinhos pr?-vestibulares p?blicos e favorece a inclus?o social no ensino superior. Est? provado que n?o basta apenas aumentar o n?mero de vagas nas universidades. Al?m disso, ? preciso garantir um ensino de qualidade ao alunado da rede p?blica para que o segmento possa disputar as vagas em p? de igualdade junto como os alunos da rede particular?, explica Flora. Ela disse que no pr?ximo domingo, dia 4, haver? uma revis?o no Verd?o, com a participa??o de 3 mil alunos da capital e interior.

Segundo Flora, os Cursinhos Populares, devido a exclus?o de uma grande parcela dos alunos carentes do ensino universit?rio, ganharam uma aceita??o e uma dimens?o nunca vistas no Piau?. ?Para se ter uma id?ia, em 2003, quando foram criados, os cursinhos p?blicos tinham 3.750 alunos. Em 2006, eram 21.100 e este ano, j? s?o 25 mil alunos da rede p?blica estadual que assistem ?s aulas nos cursinhos pr?-vestibulares p?blicos em 162 munic?pios piauienses?, explica Flora.

As aulas iniciam no segundo semestre de cada ano, com turmas de humanas, exatas e sa?de. Este ano, a finaliza??o est? prevista para o dia 13 de dezembro, atrav?s de revis?es para todos os alunos. Para participar, os alunos precisam efetuar matr?cula nas escolas da rede p?blica estadual que oferecem os cursinhos. Em Teresina, funcionam 137 turmas de Cursinhos Populares e nas demais cidades s?o 280 turmas.

?O nosso projeto de lei prev? que as aulas, ao inv?s de agosto, v?o come?ar no m?s de mar?o de cada ano e que os cursinhos v?o dar ?nfase ao ensino das disciplinas de Hist?ria, Geografia e Literatura do Piau?. Isso ? importante tamb?m para estimular os escritores, historiadores, a produ??o liter?ria e o setor gr?fico. Os recursos para sustenta??o dos cursinhos continuar?o sendo oriundos de conv?nios ou parcerias?, observou Flora Izabel.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar