De férias no Rio, jogador argentino é espancado até a morte

Jogador do time de futsal Circulos Unidos se envolveu em uma briga

O argentino Matías Sebastian Carena, de 28 anos, faleceu após ser espancado no último sábado (25), em Ipanema, zona sul do Rio de Janeiro. O turista era jogador do Circulos Unidos, clube da 1ª divisão de futsal da Argentina, e havia se envolvido em uma briga no boteco "Barzin Rio Live", na rua Vinícius de Moraes.


Segundo uma testemunha, o confronto teria sido iniciada por causa de uma caipirinha, ainda dentro do bar. O jogador estava acompanhado de outros dois amigos argentinos, que teriam se desentendido com um grupo de brasileiros. Seguranças do local ainda tentaram apartar a confusão, mas ambos os grupos saíram do estabelecimento para continuar a briga do lado de fora.

De acordo com a Delegacia de Homicídios (DH), o jovem teria levado um soco e caído com a nuca na calçada do lado oposto do bar. Mesmo desacordado, Matías continuou a ser agredido com socos, chutes e até mesmo golpes com uma muleta.

Socorrido pelos amigos argentinos, Matías foi levado ao Hospital Miguel Couto, na Gávea, mas chegou ao local já sem vida. Imagens das câmeras de segurança do bar, onde a briga começou, e dos edifícios ao redor do local já foram recolhidas pela Polícia Civil, que ainda busca identificar os agressores do argentino.



Fonte: iG
logomarca do portal meionorte..com