Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Delegacia Virtual vai registrar denúncias de violência contra a mulher

A Secretaria de Segurança Pública está em uma tratativa junto aos técnicos da ATI, para desenvolver uma estratégia tecnológica que permita que a Delegacia Virtual, possa garantir o pronto atendimento online

Compartilhe

Em razão da pandemia de COVID-19, doença causada pelo novo coronavírus e como forma de atender às medidas preventivas  de isolamento social e restrições de atendimento ao público, a Secretaria de Segurança Pública do Estado do Piauí, está em uma tratativa junto aos técnicos da Agência de Tecnologia da Informação (ATI), para  desenvolver uma estratégia tecnológica que permita que a Delegacia Virtual, possa garantir o pronto atendimento online para mulheres vítima de violência doméstica, seguindo uma tendência nacional de virtualização dos canais de atendimento.

“Nosso objetivo é estender o atendimento à mulher em situação de violência para o atendimento virtual, estamos ajustando o sistema da Delegacia Virtual, para que possamos garantir o isolamento dessa mulher, mas possibilitar o registro formal da ocorrência sem perder a especialidade desse atendimento para que assim possamos realizar uma busca ativa dessa mulher, encaminhado o pedido de perícia também virtualmente, assim como a solicitação de medida protetiva, resguardando a saúde da vítima e dos policiais”, destacou a delegada Anamelka Cadena, subsecretária de Segurança Pública do Estado do Piauí.

Por conta da personalização do atendimento, essa logística está sendo melhor detalhada e ficará pronta para uso ainda nesta semana. A delegada aproveitou para enfatizar os demais canais de atendimento como o aplicativo Salve Maria, que é uma excelente alternativa para o combate à violência contra a mulher. A ferramenta funciona com um pedido de socorro pelo touchscreen do celular, acionando a polícia com a geolocalização do endereço e tem provocado bons resultados no Estado. 

Unindo estudo, tecnologia e treinamento das equipes policiais, o Piauí caminha contra a violência de gênero, na busca de criar mais políticas públicas e avançar cada vez mais em métodos e práticas. “A gente reforça o aplicativo do Salve Maria, que garante essa denúncia chegue até a polícia de forma anônima e ainda o 180, 190 e o aplicativo PMPI, esses que são canais que a gente já conhece, são utilizadas e agora serão reforçados por causa do isolamento social”, acrescentou.

A Delegacia Virtual da Polícia Civil  iniciou desde a semana passada, o registro de boletins de ocorrência de natureza criminal, tais como furto simples, injúria, ameaça, dentre outros. A medida visa adequar a instituição ao momento de restrições para combater a pandemia. A delegacia eletrônica pode ser acessada pelo link: http://dv.pc.pi.gov.br/index.php.


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar