Desembargador aposentado Antônio Pacheco Guerreiro morre no MA

Antônio Pacheco Guerreiro nasceu em 09 de junho de 1923

O Tribunal de Justiça do Maranhão manifesta profundo pesar pelo falecimento do desembargador aposentado Antônio Pacheco Guerreiro, pai do desembargador Antônio Pacheco Guerreiro Júnior.

O desembargador aposentado, que era natural de São Luís (MA), morreu aos 94 anos, na UTI do Hospital São Domingos, na tarde desta segunda-feira (31). O velório ocorrerá na Brasilpax, na Rua de São João, 210 A, Centro (próximo à Igreja de Santo Antônio). O sepultamento será na terça-feira, dia 1°, às 9h, no Cemitério Parque da Saudade, à Rua 64, n° 80, Vinhais.

Para o presidente do TJMA, desembargador Cleones Cunha, o momento é de tristeza e de solidariedade ao desembargador Guerreiro Júnior e a toda família. Para o presidente, a saudade também é de toda a magistratura, pois todos perderam um magistrado que fez história no Judiciário maranhense e na Corte Eleitoral.

Antônio Pacheco Guerreiro nasceu em 09 de junho de 1923. Cursou Direito na Faculdade São Luís. Trabalhou como jornalista e bibliotecário, assumindo o cargo de promotor público em 1951.

Na Magistratura ingressou em 1952, iniciando suas atividades na Comarca de Colinas. Passou pelas comarcas de Loreto, Pinheiro, Cururupu, Itapecuru Mirim, Araioses, Caxias e São Luís. Em 1973, por merecimento, assume o cargo de desembargador do Tribunal de Justiça do Maranhão. Da Corte estadual, é eleito como corregedor-geral para o biênio 1976/1977.

Em 1968, quando ainda juiz, foi eleito para o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MA), onde foi corregedor em 1969 e 1970, e presidente entre os anos de 1974 e 1976, já como desembargador da Justiça Estadual. Aposentou-se em 1993


desembargador aposentado Antônio Pacheco Guerreiro e o filho
desembargador aposentado Antônio Pacheco Guerreiro e o filhoAntônio Pacheco Guerreiro Júnior


Fonte: TJMA