Desemprego atinge 13 mi e tem aumento de 9,1% em relação a 2016

O desemprego no país foi de 12,6% entre junho e agosto

Dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) mostram que o desemprego no Brasil ficou em 12,6%, no trimestre de julho a agosto. Houve uma queda em relação ao trimestre anterior (13,3%), mas subiu na comparação com o mesmo trimestre do ano passado (11,8%).

O IBGE mostra ainda que o número de desempregados no Brasil de junho a agosto foi de 13,1 milhões de pessoas. Na comparação com o mesmo período do ano passado são  1,1 milhão de pessoas a mais sem emprego, um aumento de 9,1%. Com relação ao  ao trimestre anterior (13,8 milhões), com queda de 4,8%.

O número de empregados com carteira assinada, 33,4 milhões, ficou estável na comparação com o trimestre anterior e caiu 2,2% ou menos 765 mil pessoas trabalhando protegidas pela CLT em relação ao mesmo trimestre no ano passado. O grupo dos sem carteira, estimado em 10,8 milhões de pessoas, cresceu 2,7% ou 286 mil pessoas na passagem de trimestre e teve alta de 5,4% ou 552 mil pessoas em um ano.

Os dados foram divulgados nesta sexta-feira (29) e fazem parte da Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) Contínua. A pesquisa não usa só os trimestres tradicionais, mas períodos móveis (como fevereiro, março e abril e maio (etc.)




Fonte: Uol
logomarca do portal meionorte..com