Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Dois adolescentes morrem afogados no Rio Poti, em Teresina

Segundo populares, é comum os afogamentos na região por conta da grande presença de dragas.

Compartilhe
Google Whatsapp

Na manhã desta sexta-feira (06/12), por volta das 07h, populares encontraram o corpo de dois adolescentes de 14 anos que morreram afogados nas águas do Rio Poti, na região do bairro Francisco Marreiros, na zona Sudeste de Teresina. 

De acordo com informações, os adolescentes identificados como Kenis José Ferreira de Araújo e João Miguel Nunes Vidal desapareceram ainda no final da tarde de ontem por volta das 17h.

Segundo testemunhas, os dois estavam na companhia de um menor de 8 anos e saíram de casa para tomar banho no rio. Em um determinado momento, um dos adolescentes caiu em um buraco e o amigo tentou ajudar, mas também acabou se afogando.  

“O que ainda tentou fazer algum tipo de resgate foi o menor de 8 anos, ele era o único que sabia nadar dos três. Mas não deu certo e ele foi resgatado por um popular. O local é repleto de buracos ocasionados por extração de areia. Eles resolveram ingenuamente tomar um banho de rio e por não terem experiência acabou ocasionando a tragédia”, afirmou o cabo Valdinan. Segundo populares, é comum os afogamentos na região por conta da grande presença de dragas. 

Os moradores informaram que acionaram o Corpo de Bombeiros ainda ontem, mas como já estava escurecendo, a guarnição encerrou os trabalhos para continuar na manhã de hoje. Quando eles chegaram no local os corpos já haviam sido resgatados por populares. 

Familiares estão inconsoláveis com a tragédia. Os dois adolescentes estudavam no mesmo colégio. Segundo relatos, o adolescente João Miguel é natural da cidade de Esperantina e estava sob responsabilidade de uma tia morando no bairro Dirceu. Não era de conhecimento da família que os adolescentes tomavam banho no rio. 

Uma viatura do Instituto Médico Legal (IML) foi acionada para realizar a remoção dos corpos.



Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se