Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Condições para compra de carro pioram em outubro com fim do prazo de IPI

Para aumentar o volume de vendas, o setor automotivo já praticava descontos sobre a redução do IPI

Condições para compra de carro pioram em outubro com fim do prazo de IPI
Condições para compra de carro pioram | Divulgação
Compartilhe

Após terminar o prazo de IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) reduzido, no final deste mês, as condições para a compra de carros terão uma piora, já admitem as montadoras. Com a retomada do imposto, cuja alíquota terá elevação de um terço a partir de outubro, os preços vão começar a subir.

"Nem as montadoras nem o comércio varejista têm margens suficientes para assumir essa diferença. Certamente, as ofertas de outubro não serão iguais às de hoje. Se for para comprar o carro, é melhor fazer em setembro", disse o diretor de Vendas da Chevrolet, Nilson Martinez.

Para aumentar o volume de vendas, o setor automotivo já praticava descontos sobre a redução do IPI. Agora, mesmo com a competição acirrada no mercado, as montadoras não terão condições de preservar as mesmas políticas de preço, disse o diretor de Assuntos Corporativos da Ford, Rogelio Golfarb. "Será preciso manter as margens para pensar no horizonte de investimentos."

Além do retorno gradual do IPI (que retoma a alíquota cheia a partir de janeiro), o setor automotivo está pressionado por aumento de custos -como o reajuste do aço (que chegou às autopeças e, segundo Golfarb, já afeta as montadoras indiretamente) e a rodada de aumentos salariais acima da inflação para os trabalhadores.

Oportunidade

No último final de semana de IPI reduzido, a Peugeot faz hoje e amanhã um feirão no estacionamento do shopping Center Norte, na capital paulista. Fiat, Ford, Volkswagen e GM não fazem feirões, mas terão ações promocionais em suas redes de concessionárias.

Com a antecipação de compras, as vendas em setembro rodam com alta de 10% em relação ao mesmo mês do ano passado e até 18% na comparação com agosto, disse Golfarb. "Estamos com um ritmo bastante forte", afirmou.


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar